Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

Com novas doses, Pedro Leopoldo vacina pessoas de 57 a 59 anos e lactantes

Cidade recebeu 1.176 doses, começa vacinar adultos de 57 a 59 anos, lactantes e completa a primeira parte da imunização de todos os profissionais da educação


21/06/2021 20:32 - atualizado 21/06/2021 20:43

Com a ampliação do público, pessoas de 57 a 59 anos poderão procurar nos 12 pontos de Estratégia de Saúde da Família (ESF) a dose do imunizante, em Pedro Leopoldo(foto: Prefeitura de Pedro Leopoldo/Divulgação)
Com a ampliação do público, pessoas de 57 a 59 anos poderão procurar nos 12 pontos de Estratégia de Saúde da Família (ESF) a dose do imunizante, em Pedro Leopoldo (foto: Prefeitura de Pedro Leopoldo/Divulgação)
Com o envio do 25° lote de vacinas contra a COVID-19 para as 28 Unidades Regionais de Saúde, a cidade de Pedro Leopoldo, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, recebeu nesta segunda-feira (21/6) 1.176 doses, sendo 1.126 para a primeira dose e 50 para a segunda dose.
Com essa nova remessa, a tão esperada vacinação por idade sem cormobidades começa nesta terça-feira (22/6) e vai até o dia 24. No dia 22, será a vez de quem tem 59 anos, no dia 23 para pessoas com 58 anos e na quinta-feira (24/6) serão vacinadas pessoas com 57 anos.
 
De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, o público sem comorbidades é o maior em quantidade na cidade e, por isso, foram ampliados os locais de vacinação para evitar aglomerações.

Além do Centro Municipal de Imunização (CMI), todos os 12 pontos de Estratégia de Saúde da Família (ESF) da cidade vão receber a população de 57 a 59 anos, de 8h às 11h30.
 
Outro público que vai receber a primeira dose da nova remessa são as lactantes de até seis meses. As mulhereses deverão levar relatório médico que comprove que estão amamentando e comprovante de endereço entre os dias 22 e 24, no CMI. o atendimento será das 8h30 às 15h30.
 
 

Profissionais da educação

Também nesta terça-feira, os profissionais do ensino superior e profissionalizantes, incluindo escolas de idiomas, também poderão receber a primeira dose do imunizante, somente no Centro Municipal de Imunização.
 
Segundo a Secretaria de Saúde, foi concluída nesta segunda-feira (21/6) a primeira fase da vacinação dos profissionais da educação, que incluem os servidores das 12 creches dos Centro Municipal de Apoio Educacional (CEMAI) e profissionais da educação infantil, do ensino fundamental I e II e ensino médio, tanto da rede pública quanto da rede particular.

No total, 900 profissionais da educação receberam a primeira dose do imunizante.
 
Mesmo com toda a categoria dos profissionais da educação de zero anos ao ensino superior vacinados com a primeira dose na cidade, a prefeitura de Pedro Leopoldo informa que ainda não tem data definida para a volta presencial das atividades escolares.
 
De acordo com o vacinômetro, até o momento, a cidade de Pedro Leopoldo recebeu 29.019 doses, sendo que 17.948 foram para a primeira dose e 6.708 para a segunda.

Leia mais sobre a COVID-19

Confira outras informações relevantes sobre a pandemia provocada pelo vírus Sars-CoV-2 no Brasil e no mundo. Textos, infográficos e vídeos falam sobre sintomasprevençãopesquisa vacinação.
 

Confira respostas a 15 dúvidas mais comuns

Guia rápido explica com o que se sabe até agora sobre temas como risco de infecção após a vacinação, eficácia dos imunizantes, efeitos colaterais e o pós-vacina. Depois de vacinado, preciso continuar a usar máscara? Posso pegar COVID-19 mesmo após receber as duas doses da vacina? Confira esta e outras perguntas e respostas sobre a COVID-19.


Quais os sintomas do coronavírus?

Desde a identificação do vírus Sars-CoV2, no começo de 2020, a lista de sintomas da COVID-19 sofreu várias alterações. Como o vírus se comporta de forma diferente de outros tipos de coronavírus, pessoas infectadas apresentam sintomas diferentes. E, durante o avanço da pesquisa da doença, muitas manifestações foram identificadas pelos cientistas. Confira a relação de sintomas de COVID-19 atualizada.

O que é a COVID-19?

A COVID-19 é uma doença provocada pelo vírus Sars-CoV2, com os primeiros casos registrados na China no fim de 2019, mas identificada como um novo tipo de coronavírus pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em janeiro de 2020. Em 11 de março de 2020, a OMS declarou a COVID-19 como pandemia.


Veja vídeos explicativos sobre este e outros tema em nosso canal



receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade