Publicidade

Estado de Minas

TRT barra paralisação do metrô em BH; veja funcionamento do transporte público na pandemia

Metrô funciona em escala reduzida; ônibus urbanos e intermunicipais circulam com capacidade limitada; veja mudanças impostas pela pandemia de coronavírus


postado em 23/03/2020 07:46 / atualizado em 23/03/2020 10:02

(foto: Edésio Ferreira/EM/D.A Press)
(foto: Edésio Ferreira/EM/D.A Press)

A operação do metrô da capital mineira está garantida para esta segunda-feira (23). Na noite de domingo (22),  a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) obteve uma liminar do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) que determina a manutenção do serviço nos moldes estabelecidos pela empresa. 

O Sindicato dos Metroviários de Minas Gerais (Sindmetro-MG) havia anunciado, nesse sábado (21), a paralisação total dos trabalhadores por tempo indeterminado, sob alegação de risco de transmissão da coronavírus a funcionários e passageiros durante as viagens. 

Em sua decisão, o desembargador de plantão, Manoel Barbosa da Silva, disse que "o movimento paredista noticiado não respeita os preceitos legais" e determinou ao sindicato que, durante qualquer paralisação, ainda que temporária, mantenha em serviço no mínimo 50% dos trabalhadores, de modo a assegurar o fornecimento do transporte público de passageiros e das atividades de operação e manutenção. 

A pena de multa estipulada pelo desembargador foi de R$ 100 mil ao dia, caso a ordem não seja acatada.

Veja como funcionam o metrô e outros meios de transporte de BH à partir desta segunda-feira (23):


Metrô

De 6h às 9h e das 16h30 às 20h. A CBTU informou que, além de ter reduzido a escala, está trabalhando com trens acoplados. De acordo com a companhia,  o objetivo é estabelecer uma distância de segurança entre os usuários no interior dos vagões. 

A empresa também criou a  Comissão de Higiene e Prevenção, para implementar medidas de redução de risco contaminação pelo coronavírus no metrô. 

Ônibus urbanos

Desde sexta-feira (20), a circulação dos ônibus em Belo Horizonte ocorre no esquema de dia atípico, ou seja: com redução de 5% no número de viagens em relação ao quadro de horário de dias úteis. 

Segundo a BHTrans, medida foi tomada com base na suspensão temporária de atividades em estabelecimentos comerciais como shoppings, bares e restaurantes por causa da COVID-19 - decisão imposta via decreto do prefeito Alexandre Kalil (PSD).

Os veículos também ficam obrigados a circular dentro do limite de capacidade de pessoas sentadas, isto é: sem passageiros em pé. A determinação foi anunciada pelo Governador Romeu Zema na última sexta (20). 

A BHTrans está monitorando a operação e disponibilizou um canal para denúncias de superlotação. Basta baixar o PBH APP, o aplicativo móvel da Prefeitura de Belo Horizonte.



Coletivos intermunicipais

O anúncio de Calamidade Pública em Minas restringiu a também a circulação de ônibus intermunicipais. À partir desta segunda-feira (23), eles só poderão rodar com metade da capacidade de pessoas sentadas. 

Táxis e aplicativos de transporte

Essa modalidade de transporte funciona normalmente na capital mineira. Os aplicativos Uber e 99, no entanto, suspenderam o serviço de corridas compartilhadas

Ônibus, carros e vans de passageiros

As divisas do estado estão fechadas para circulação ônibus e vans particulares de passageiros. O transporte de cargas, por sua vez, nunca será restrito, pois há necessidade de garantir o abastecimento. A circulação de veículos particulares também não foi alterada. 

O que é o Coronavírus?

Coronavírus são uma grande família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus (Covid-19) foi descoberto em dezembro de 2019, na China. A doença pode causar infecções com sintomas semelhantes aos resfriados ou gripes leves. 

Como o Covid-19 é transmitido?

A transmissão dos coronavírus costuma ocorrer pelo ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas, como gotículas de saliva, espirro, tosse, catarro, contato pessoal próximo, como toque ou aperto de mão, contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

 

Como se prevenir?

 

A recomendação é evitar aglomerações, ficar longe de quem apresenta sintomas de infecção respiratória, lavar as mãos com frequência, tossir com o antebraço em frente à boca e frequentemente fazer o uso de álcool em gel após ter contato com superfícies e pessoas. Em casa, tome cuidados extras contra o Covid-19.
 

Quais os sintomas do Coronavírus?

 

Confira os principais sintomas das pessoas infectadas pelo Covid-19: 

 

  • Febre
  • Tosse
  • Falta de ar e dificuldade para respirar
  • Problemas gástricos
  • Diarréia
 
Em casos graves, as vítimas apresentam: 
 
  • Pneumonia
  • Síndrome respiratória aguda severa
  • Insuficiência renal

Mitos e verdades sobre o vírus

 
Nas redes sociais, a propagação do Covid-19 espalhou também boatos sobre como o coronavírus é transmitido. E outras dúvidas foram surgindo: 
  • O álcool em gel é capaz de matar o vírus? 
  • O coronavírus é letal em um nível preocupante? 
  • Uma pessoa infectada pode contaminar várias outras? 
  • A epidemia vai matar milhares de brasileiros, pois o SUS não teria condições de atender a todos? 

 

Para saber mais sobre o coronavírus, leia também: 



receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade