UAI
Publicidade

Estado de Minas LIVE

Bolsonaro: 'Morreu mais gente com Biden e ninguém chama o cara de genocida'

O presidente brasileiro afirmou que o presidente dos Estados Unidos 'não fez o que deveria ser feito' na pandemia


07/10/2021 20:13 - atualizado 07/10/2021 20:27

Na foto, presidente do Brasil Jair Bolsonaro (sem partido) e presidente dos Estados Unidos Joe Biden
Bolsonaro diz que Biden 'não fez o que deveria ser feito' na pandemia (foto: Reprodução)
O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) destacou o crescimento no número de mortes por COVID-19 nos Estados Unidos na live desta quinta-feira (7/10). Ele comparou o ex-presidente Donald Trump com o atual Joe Biden e acusou o democrata de não fazer “o que devia ser feito” para evitar os óbitos no país.
 
 
Na semana passada, os Estados Unidos ultrapassaram 700.000 mortes do novo coronavírus. O país fechou 2020 com 345 mil mortes, ou seja, só em 2021 foram 355 mil vidas perdidas pela doença. Mas, o problema é que o país tem grande parte da população anti-vacina e, segundo o conselheiro da Casa Branca, 99% das mortes são de pessoas que recusaram o imunizante, apesar do país ter uma ampla oferta.

Leia também:  Alexandre de Moraes manda PF tomar depoimento de Bolsonaro em 30 dias

Bolsonaro utilizou o dado para promover Trump, que era chamado de “genocida”, assim como o próprio presidente brasileiro, e passou a cadeira na Casa Branca para Joe Biden. “A gente quer que caia o número de mortes, mas 2021 morreu mais gente que em 2020. Só que em 2020 o presidente era o Trump e foi taxado de genocida pela CNN americana. E agora morreu mais gente com Joe Biden e ninguém chama o cara de genocida. Nenhum dos dois são genocidas”, afirmou.

Segundo o chefe do Executivo, Biden não fez o que deveria ser feito, que é dar autoridade ao médico para o 'tratamento precoce'. “Tenho certeza de que todos nós queremos evitar o número de mortes, mas algumas formas de buscar evitar, a pessoa não fez o que devia ser feito. Reconhecer o médico, a autoridade, para tratar do mal precocemente.”

Enquanto no Brasil, o número se aproxima de 600 mil mortes. O país fechou o ano de 2020 com 195 mil mortes, ou seja, em 2021 duplicou o número, com 405 mil.
 

Leia mais sobre a COVID-19

Confira outras informações relevantes sobre a pandemia provocada pelo vírus Sars-CoV-2 no Brasil e no mundo. Textos, infográficos e vídeos falam sobre  sintomas prevenção pesquisa  vacinação .
 

Confira respostas a 15 dúvidas mais comuns

Guia rápido explica com o que se sabe até agora sobre temas como risco de infecção após a vacinação, eficácia dos imunizantes, efeitos colaterais e o pós-vacina. Depois de vacinado, preciso continuar a usar máscara?  Posso pegar COVID-19 mesmo após receber as duas doses da vacina?   Posso beber após vacinar?  Confira esta e outras  perguntas e respostas sobre a COVID-19 .

Acesse nosso canal e veja vídeos explicativos sobre COVID-19

 
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade