UAI
Publicidade

Estado de Minas IMUNIZAÇÃO

Crianças podem começar a ser vacinadas em outubro em Minas

Estado aguarda autorização da Anvisa e expectativa é que o público infantil possa ser vacinado a partir da segunda quinzena de outubro; ainda não há calendário


23/09/2021 14:24 - atualizado 23/09/2021 16:49

Vacinação de crianças depende do aval da Anvisa
Vacinação de crianças depende do aval da Anvisa (foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press)

O governo de Minas Gerais vacinará todas as crianças abaixo de 12 anos depois que a imunização dos adolescentes for concluída. O estado, porém, depende de autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para começar a aplicação das doses no público infantil. 
 
"Temos uma expectativa dessa aprovação para vacinarmos as crianças. Outros países já iniciaram o processo. Caso a Anvisa aprove tecnicamente que a vacina é segura e o Ministério da Saúde a inclua dentro do Plano Nacional de Imunizações (PNI), imediatamente o estado vacinará as crianças. É uma expectativa de Minas e de outros estados que esse grupo seja incluído no PNI”, afirmou o secretário de Estado de Saúde, Fábio Baccheretti.
 
O governo não divulgou calendário para a imunização, mas público infantil poderá ser vacinado a partir da segunda quinzena de outubro 

A vacinação de todos os mineiros, independentemente da idade, é uma estratégia do governo estadual para frear o contágio pelas variantes do coronavírus, que já avançam pelo estado em condições preocupantes. Segundo dados da Secretaria de Estado de Saúde, existem 415 casos da variante Delta em Minas, distribuídas em 109 cidades. 

As regiões que mais preocupam são as que ficam próxima ao estado do Rio de Janeiro, além da Central e da microrregião de Unaí.

O estado também garantiu que a vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos e a dose de reforço dos idosos acima de 70 anos será concluída até a primeira quinzena de outubro. Para adolescentes, a vacina mais indicada é Pfizer. 
 
Até agora, Minas vacinou mais de 23 milhões de pessoas com a primeira dose – 93,34% da população adulta –, enquanto 47,06% tomaram a segunda dose.
 

Leia mais sobre a COVID-19

Confira outras informações relevantes sobre a pandemia provocada pelo vírus Sars-CoV-2 no Brasil e no mundo. Textos, infográficos e vídeos falam sobre  sintomas prevenção pesquisa  vacinação .
 

Confira respostas a 15 dúvidas mais comuns

Guia rápido explica com o que se sabe até agora sobre temas como risco de infecção após a vacinação, eficácia dos imunizantes, efeitos colaterais e o pós-vacina. Depois de vacinado, preciso continuar a usar máscara?  Posso pegar COVID-19 mesmo após receber as duas doses da vacina?   Posso beber após vacinar?  Confira esta e outras  perguntas e respostas sobre a COVID-19 .

Acesse nosso canal e veja vídeos explicativos sobre COVID-19

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade