Publicidade

Estado de Minas

Só restam 10 cidades sem COVID-19 em Minas Gerais

Municípios somam pouco mais 40 mil habitantes, 0,2% da população de Minas


21/09/2020 11:38 - atualizado 21/09/2020 11:59

No início da pandemia, o município chegou a manter uma barreira sanitária por três semanas(foto: Divulgação/Prefeitura de Cedro do Abaeté)
No início da pandemia, o município chegou a manter uma barreira sanitária por três semanas (foto: Divulgação/Prefeitura de Cedro do Abaeté)


Dos 853 municípios de Minas Gerais, 843 (quase 99%) já registraram casos de COVID-19. Em apenas 10 a doença não chegou. O levantamento é da Secretaria de Estado de Saúde, divulgado nesta segunda-feira.

As comunidades somam pouco mais de 40 mil habitantes, o que corresponde a 0,2% da população mineira. Veja quais são os municípios e a população atual segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE):


Aracitaba - 2.063
Botumirim - 6.319
Camacho - 2.901
Cedro do Abaeté - 1.164
Coronel Murta - 9.222
Pedro Teixeira - 1.807
Queluzito - 1.939
Santana do Garambéu - 2.458
São Thomé das Letras - 7.089
Veredinha - 5.720

Um dos municípios que ainda estão livres do coronavírus é Cedro do Abaeté
, segundo menor do estado, com 1.164 habitantes. Na cidade, praticamente todos se conhecem, segundo a secretária Municipal de Saúde, Cássia Maria dos Santos. Desde o início da pandemia, a prefeitura distribuiu máscaras para a população, colocou totens com álcool em gel em espaços públicos. Um funcionário percorre a cidade de bicicleta com uma caixa de som transmitindo orientações para evitar o coronavírus. “Nossa cidade é muito pequena, é esse falar de porta em porta mesmo, pedindo e conversando. Eles estão ficando em casa mesmo, usando máscaras. Fazemos nossa parte”, comenta.

O maior município da região é Abaeté, a 35 quilômetros de Cedro. Ele é referência para atendimentos hospitalares mais complexos. A pequena cidade conta com uma policlínica e uma equipe do Programa Saúde da Família (PSF). Também há uma enfermeira de plantão à noite e durante a madrugada para prestar atendimento aos moradores. Em relação à COVID-19, foi montado um quarto na policlínica para isolar pacientes com sintomas até a transferência.

Além disso, segundo Cássia Maria dos Santos, por meio do decreto de emergência, a prefeitura adquiriu testes com recursos próprios para testar a população.

Segundo ela, 70% da população da comunidade é de idosos, um dos grupos de maior risco de desenvolver a forma grave da doença. Assim, as pessoas estão com medo e mantêm o rigor nas medidas. “Até agentes de saúde que vão visitar têm dificuldade”, comentou, detalhando que os moradores estão resistentes a receber outras em casa. “Tivemos dois casos suspeitos e ficou um ‘rebuliço’”, disse.

Números do estado


Minas tem hoje 271.194 casos de COVID-19 e 6.727 mortes. Foram 1.141 confirmações nas últimas 24 horas. Já o número de óbitos confirmados de ontem para hoje foi de 13. O menor até o momento foi na segunda-feira passada, com 10 óbitos, o que pode ter relação com a falta de equipes nos municípios para atualizar os dados aos domingos. Ainda segundo o boletim, são 237.429 casos recuperados e outros 27.038 em acompanhamento.

O que é o coronavírus


Coronavírus são uma grande família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus (COVID-19) foi descoberto em dezembro de 2019, na China. A doença pode causar infecções com sintomas inicialmente semelhantes aos resfriados ou gripes leves, mas com risco de se agravarem, podendo resultar em morte.
Vídeo: Por que você não deve espalhar tudo que recebe no Whatsapp

Como a COVID-19 é transmitida? 

A transmissão dos coronavírus costuma ocorrer pelo ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas, como gotículas de saliva, espirro, tosse, catarro, contato pessoal próximo, como toque ou aperto de mão, contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

Vídeo: Pessoas sem sintomas transmitem o coronavírus?


Como se prevenir?

A recomendação é evitar aglomerações, ficar longe de quem apresenta sintomas de infecção respiratória, lavar as mãos com frequência, tossir com o antebraço em frente à boca e frequentemente fazer o uso de água e sabão para lavar as mãos ou álcool em gel após ter contato com superfícies e pessoas. Em casa, tome cuidados extras contra a COVID-19.
Vídeo: Flexibilização do isolamento não é 'liberou geral'; saiba por quê

Quais os sintomas do coronavírus?

Confira os principais sintomas das pessoas infectadas pela COVID-19:

  • Febre
  • Tosse
  • Falta de ar e dificuldade para respirar
  • Problemas gástricos
  • Diarreia

Em casos graves, as vítimas apresentam:

  • Pneumonia
  • Síndrome respiratória aguda severa
  • Insuficiência renal
Os tipos de sintomas para COVID-19 aumentam a cada semana conforme os pesquisadores avançam na identificação do comportamento do vírus. 

Vídeo explica por que você deve 'aprender a tossir'


Mitos e verdades sobre o vírus

Nas redes sociais, a propagação da COVID-19 espalhou também boatos sobre como o vírus Sars-CoV-2 é transmitido. E outras dúvidas foram surgindo: O álcool em gel é capaz de matar o vírus? O coronavírus é letal em um nível preocupante? Uma pessoa infectada pode contaminar várias outras? A epidemia vai matar milhares de brasileiros, pois o SUS não teria condições de atender a todos? Fizemos uma reportagem com um médico especialista em infectologia e ele explica todos os mitos e verdades sobre o coronavírus.

Coronavírus e atividades ao ar livre: vídeo mostra o que diz a ciência

Para saber mais sobre o coronavírus, leia também:

 



receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade