Publicidade

Estado de Minas COVID-19

Com missas suspensas pelo coronavírus, padre abençoa fiéis em caminhonete

Feliz com a receptividade, o pároco vai repetir a ação na manhã do domingo da ressurreição em Itabira


postado em 31/03/2020 12:05 / atualizado em 31/03/2020 15:10



Se os católicos não podem ir à igreja, a igreja vai até os fiéis. Com essa missão de fé, o padre Uéliton Neves da Silva, titular da Paróquia de Nossa Senhora da Penha e reitor do Santuário São Geraldo Magela, em Itabira, na Região Central de Minas, saiu às ruas da cidade, na noite de quinta-feira (26), abençoando a população com o Santíssimo Sacramento. Sozinho, com os paramentos e ajoelhado na carroceria de uma caminhonete, o religioso carregava nas mãos o ostensório, peça com a hóstia consagrada pouco antes na missa privada no santuário. 

Feliz com a receptividade, o pároco vai repetir a ação na manhã do domingo da ressurreição (12), após a missa também privada que será celebrada às 7h no santuário. "As pessoas ficaram nas portas e janelas, outras se ajoelharam nas calçadas, rezando, cantando e aplaudindo", disse o padre. À frente da caminhonete seguia um veículo do departamento de trânsito municipal e, atrás, um carro de som com músicas religiosas.

Padre percorreu as ruas em caminhonete para se encontrar com os fiéis(foto: Reprodução da internet)
Padre percorreu as ruas em caminhonete para se encontrar com os fiéis (foto: Reprodução da internet)


"É uma missão de fé nesses tempos de coronavírus, já que as igrejas estão fechadas, não há missas e as cerimônias da semana santa foram canceladas também na diocese de Itabira. Atravessamos um deserto rumo à terra prometida e queremos fortalecer o lado espiritual. Assim como fez Jesus, não vamos nos afastar das pessoas em dias de tanta dificuldade", afirmou o religioso sobre a pandemia.

O que é o coronavírus?

Coronavírus são uma grande família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus (COVID-19) foi descoberto em dezembro de 2019, na China. A doença pode causar infecções com sintomas inicialmente semelhantes aos resfriados ou gripes leves, mas com risco de se agravarem, podendo resultar em morte.

Como a COVID-19 é transmitida?

A transmissão dos coronavírus costuma ocorrer pelo ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas, como gotículas de saliva, espirro, tosse, catarro, contato pessoal próximo, como toque ou aperto de mão, contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

Como se prevenir?

A recomendação é evitar aglomerações, ficar longe de quem apresenta sintomas de infecção respiratória, lavar as mãos com frequência, tossir com o antebraço em frente à boca e frequentemente fazer o uso de água e sabão para lavar as mãos ou álcool em gel após ter contato com superfícies e pessoas. Em casa, tome cuidados extras contra a COVID-19.

Quais os sintomas do coronavírus?

Confira os principais sintomas das pessoas infectadas pela COVID-19:

  • Febre
  • Tosse
  • Falta de ar e dificuldade para respirar
  • Problemas gástricos
  • Diarreia


Em casos graves, as vítimas apresentam:

  • Pneumonia
  • Síndrome respiratória aguda severa
  • Insuficiência renal

Mitos e verdades sobre o vírus

Nas redes sociais, a propagação da COVID-19 espalhou também boatos sobre como o coronavírus é transmitido. E outras dúvidas foram surgindo: O álcool em gel é capaz de matar o vírus? O coronavírus é letal em um nível preocupante? Uma pessoa infectada pode contaminar várias outras? A epidemia vai matar milhares de brasileiros, pois o SUS não teria condições de atender a todos? Fizemos uma reportagem com um médico especialista em infectologia e ele explica todos os mitos e verdades sobre o coronavírus.

Para saber mais sobre o coronavírus, leia também:

Especial: Tudo sobre o coronavírus 

Coronavírus: o que fazer com roupas, acessórios e sapatos ao voltar para casa

Coronavírus é pandemia. Entenda a origem desta palavra

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade