UAI
Publicidade

Estado de Minas COVID-19

Casos de COVID triplicaram em Minas nos últimos cinco dias

O estado registra alta de 324% na confirmação de casos positivos, quando comparado com os quatro primeiros dias de 2022


11/01/2022 10:59 - atualizado 11/01/2022 13:48

UPA Odilon Behrens no Bairro São Cristóvão
Movimento nas UPAs e Centros de Saúde (foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
Na primeira semana de janeiro, Minas Gerais já havia registrado elevação na média diária de casos de COVID-19, em especial nos dias 6 e 7 de janeiro. Agora, em um intervalo de menos de cinco dias, os números tiveram um crescimento ainda maior, da ordem de 324%. 
 
De acordo com os dados divulgados no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), nos quatro primeiros dias de 2022 (3 a 6 de janeiro), o total de infectados pelo vírus era de 12.574.

Já entre os dias 7 a 11 de janeiro, este número subiu para 40.821, o que significa que 28.047 novos casos de infectados pela COVID foram confirmados nos últimos cinco dias. 
  
Este aumento é resultado principalmente da inclusão de dois dias consecutivos com mais de 10 mil casos de COVID, registrados na sexta (7/1) e no sábado (8/1). 
  
Nesta terça-feira (11/1), de acordo com o boletim epidemiológico, Minas voltou a superar a marca dos 10 mil casos diários, registrando 10.924 casos e uma morte pelo vírus. 
 
De março de 2020 até hoje, o estado possui um total de 2.277.380 pessoas infectadas pelo coronavírus. No total, já são 56.744 os mortos pelo coronavírus em Minas.
 
Até o momento, 2.163.346 mineiros se recuperaram do COVID no estado, enquanto 57.290 seguem em acompanhamento, ou seja, casos confirmados de COVID-19 que não evoluíram para óbito, mas cuja condição clínica permanece sendo acompanhada, ou aguarda atualização pelos municípios.
 
 
*Estagiária sob supervisão do subeditor Frederico Teixeira
 

Leia mais sobre a COVID-19

Confira outras informações relevantes sobre a pandemia provocada pelo vírus Sars-CoV-2 no Brasil e no mundo. Textos, infográficos e vídeos falam sobre sintomasprevençãopesquisa vacinação.
 

Confira respostas a 15 dúvidas mais comuns

Guia rápido explica com o que se sabe até agora sobre temas como risco de infecção após a vacinação, eficácia dos imunizantes, efeitos colaterais e o pós-vacina. Depois de vacinado, preciso continuar a usar máscara? Posso pegar COVID-19 mesmo após receber as duas doses da vacina? Posso beber após vacinar? Confira esta e outras perguntas e respostas sobre a COVID-19.

Acesse nosso canal e veja vídeos explicativos sobre COVID-19

 
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade