Publicidade

Estado de Minas LIGEIRA ALTA

Pandemia em BH: taxa de transmissão do vírus e ocupação de UTIs sobem

Em contrapartida, houve queda na lotação das enfermarias; primeira dose da vacina contra COVID-19 já foi aplicada em 64,7% do público da campanha de imunização


04/08/2021 20:24 - atualizado 04/08/2021 22:20

30% do público-alvo da população adulta de Belo Horizonte já está totalmente imunizada(foto: Jair Amaral/EM)
30% do público-alvo da população adulta de Belo Horizonte já está totalmente imunizada (foto: Jair Amaral/EM)
Dois dos três principais indicadores da pandemia de COVID-19 em Belo Horizonte apresentaram leve alta nesta quarta-feira (4/8). 

Segundo o boletim epidemiológico da Prefeitura, a taxa de transmissão do novo coronavírus (rt) é de 0,92, ante 0,90 do balanço anterior. Isso significa que, no atual cenário, cada 100 pessoas infectadas pelo vírus transmitem a doença para outras 92, em média.

A ocupação de leitos de UTI-COVID subiu de 57,7% para 59%, mantendo-se na zona amarela, que indica alerta, pelo 29º boletim consecutivo. 

Em contrapartida, a lotação das vagas de enfermaria caiu de 48% para 44,8%. O índice é classificado como zona de controle, patamar mantido há oito relatórios. 

As vítimas da pandemia somam 6.285 pessoas. Os casos confirmados, 261.874. Os recuperados totalizam 252.049, enquanto 3.540 pacientes estão sob monitoramento. 

Vacinação

Na capital mineira, 1.422.161 habitantes (64,7%) receberam a primeira dose da vacina contra a COVID-19. Outros 643.403 já foram contemplados com a segunda dose. Já 58.769 cidadãos foram protegidos com a dose única da Janssen. Isso significa que 30,6% do público-alvo da campanha de imunização já completaram o esquema vacinal e estão totalmente protegidos. 

Em relação ao relatório passado, a prefeitura aplicou mais 15.561 imunizantes nesta quarta (4/8): 2.968 de primeira etapa e 12.593 de segunda.

Confira o balanço da imunização em BH


Primeira dose

468.274 idosos acima de 60 anos
208.992 pessoas do grupo de risco, deficientes e beneficiários do BPC
12.475 gestantes e puérperas
201.726 trabalhadores da saúde
18.871 servidores da segurança pública
69.587 profissionais da educação
409.457 entre 36 e 59 anos
35.747 de outros grupos, como moradores em situação de rua, motoristas e garis
 

Segunda dose ou dose única 

422.544 idosos acima de 60 anos
33.297 pessoas do grupo de risco, deficientes e beneficiários do BPC
1.541 gestantes e puérperas
160.488 trabalhadores da saúde
1.964 servidores da segurança pública
58.769 pessoas entre 36 e 59 anos (dose única)
23.569 de outros grupos, como moradores em situação de rua, motoristas e garis
 
Total de vacinas destinadas a BH: 2.705.077 unidades.

Leia mais sobre a COVID-19

Confira outras informações relevantes sobre a pandemia provocada pelo vírus Sars-CoV-2 no Brasil e no mundo. Textos, infográficos e vídeos falam sobre sintomasprevençãopesquisa vacinação.
 

Confira respostas a 15 dúvidas mais comuns

Guia rápido explica com o que se sabe até agora sobre temas como risco de infecção após a vacinação, eficácia dos imunizantes, efeitos colaterais e o pós-vacina. Depois de vacinado, preciso continuar a usar máscara? Posso pegar COVID-19 mesmo após receber as duas doses da vacina? Posso beber após vacinar? Confira esta e outras perguntas e respostas sobre a COVID-19.

Veja vídeos explicativos sobre este e outros tema em nosso canal



receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade