Publicidade

Estado de Minas AGRESSÕES DESDE 2014

Homem espanca companheira e acaba sendo esfaqueado por ela

As autoridades foram acionadas pelo menos cinco vezes, desde 2014, por agressões e ameaças do homem à companheira


03/08/2021 17:08 - atualizado 03/08/2021 17:37

O caso foi atendido pela Polícia Militar de Sete Lagoas(foto: Polícia Militar/Divulgação)
O caso foi atendido pela Polícia Militar de Sete Lagoas (foto: Polícia Militar/Divulgação)
Uma mulher de 59 anos que sofria agressões do marido há pelo menos seis anos, e foi espancada novamente nessa segunda-feira (2/8), esfaqueou o companheiro e acabou sendo presa. Segundo a própria, o golpe foi dado para se proteger, depois de ser agredida durante o dia todo. O caso ocorreu em Sete Lagoas, Região Central de Minas.
 
As autoridades já estavam cientes das agressões sofridas pela mulher desde pelo menos 2014, quando foi registrada uma ocorrência. Outros cinco registros foram realizados desde então, sempre com a autoria do marido, de 55 anos - o que resultou em medida protetiva de urgência expedida em dezembro de 2019.
 
Nessa segunda-feira (2/8), no entanto, novo episódio de agressões. Conforme relato da mulher aos militares, ela começou a ser agredida pelo companheiro, com quem mora junto, de manhã. Entre os ataques, recebeu socos na cabeça e foi expulsa da própria residência, no Bairro Brejinho.
 
Ao voltar à tarde para a casa, foi espancada novamente. Além de socos, o autor usou uma colher de madeira, que chegou a se quebrar devido à força dos golpes dados contra a cabeça dela. Vale reforçar que os relatos são da própria mulher à Polícia Militar.
 

Facada

 
Em determinado momento, a mulher conseguiu escapar do homem, correu para a cozinha e pegou uma faca. Em seguida, ela desferiu um golpe na barriga do homem, que caiu com sangramento intenso.
 
A própria mulher acionou as autoridades. Com hematomas pelo corpo e pela face, além de dores no braço, ela foi levado ao Hospital Municipal, onde foi medicada e liberada. Saiu de lá detida e foi levada à delegacia de Polícia Civil.
 
Já o homem foi levado à mesma unidade de saúde, onde ficou internado para fazer cirurgia. Os policiais informam que não foi possível colher o depoimento dele devido ao estado de saúde. 
 

O que é relacionamento abusivo?

Os relacionamentos abusivos contra as mulheres ocorrem quando há discrepância no poder de um em relação ao outro. Eles não surgem do nada e, mesmo que as violências não se apresentem de forma clara, os abusos estão ali, presentes desde o início. É preciso esclarecer que a relação abusiva não começa com violências explícitas, como ameaças e agressões físicas.

A violência doméstica é um problema social e de saúde pública e, que quando se fala de comportamento, a raiz do problema está na socialização. Entenda o que é relacionamento abusivo e como sair dele.

Como denunciar violência contra mulheres?

  • Ligue 180 para ajudar vítimas de abusos.
  • Em casos de emergência, ligue 190.

O que é violência física?

  • Espancar
  • Atirar objetos, sacudir e apertar os braços
  • Estrangular ou sufocar
  • Provocar lesões

O que é violência psicológica?

  • Ameaçar
  • Constranger
  • Humilhar
  • Manipular
  • Proibir de estudar, viajar ou falar com amigos e parentes
  • Vigilância constante
  • Chantagear
  • Ridicularizar
  • Distorcer e omitir fatos para deixar a mulher em dúvida sobre sanidade (Gaslighting)

O que é violência sexual?

  • Estupro
  • Obrigar a mulher a fazer atos sexuais que causam desconforto 
  • Impedir o uso de métodos contraceptivos ou forçar a mulher a abortar
  • Limitar ou anular o exercício dos direitos sexuais e reprodutivos da mulher

O que é violência patrimonial?

  • Controlar o dinheiro
  • Deixar de pagar pensão
  • Destruir documentos pessoais
  • Privar de bens, valores ou recursos econômicos
  • Causar danos propositais a objetos da mulher

O que é violência moral?

  • Acusar de traição
  • Emitir juízos morais sobre conduta
  • Fazer críticas mentirosas
  • Expor a vida íntima
  • Rebaixar por meio de xingamentos que incidem sobre a sua índole

Leia mais:

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade