Publicidade

Estado de Minas IMUNIZAÇÃO

Vacinação segue em BH: trabalhadores da saúde e gestantes com comorbidades

Prefeitura de Belo Horizonte informou que ampliação para novos grupos depende da chegada na capital de uma nova remessa de vacinas contra a COVID


15/06/2021 08:45 - atualizado 15/06/2021 09:08

Trabalhadores da saúde a partir de 60 anos e gestantes com comorbidades continuam sendo vacinados em BH nesta terça (15/6)(foto: Leandro Couri/EM/D.A Press)
Trabalhadores da saúde a partir de 60 anos e gestantes com comorbidades continuam sendo vacinados em BH nesta terça (15/6) (foto: Leandro Couri/EM/D.A Press)
A Prefeitura de Belo Horizonte segue nesta terça-feira (15/6) com a vacinação contra a COVID-19 para gestantes e puérperas com comorbidades, que recebem a primeira, e os trabalhadores da saúde de 60 anos ou mais, que serão imunizados com a segunda dose.

Em nota ao Estado de Minas, a Secretaria Municipal de Saúde afirma que “é imprescindível que novas remessas de vacinas sejam entregues a Belo Horizonte para a ampliação dos grupos a serem vacinados”. 

De acordo com as orientações do Ministério da Saúde, podem se vacinar somente as mulheres grávidas (até 45 dias após o parto, independentemente da evolução da gestação) com comorbidades ou que estejam especificadas, conforme o Decreto Federal 10.282, como trabalhadoras de serviços essenciais, desde que tenha a avaliação individual de risco benefício realizada em conjunto com o médico. 

Para as gestantes sem comorbidades, a imunização segue interrompida. “A prefeitura aguarda orientação e doses necessárias para vacinar gestantes e puérperas sem comorbidades e reafirma a disponibilidade de pessoal e de todos os insumos necessários para a imediata continuidade do processo”, informou a PBH.
 
O horário de funcionamento é das 7h30 às 16h30 para pontos fixos e das 8h às 16h30 para pontos de drive-thru. A documentação necessária para o momento da vacinação pode ser conferida no site da PBH

Trabalhadores da saúde


Para que trabalhadores da saúde com 60 anos ou mais possam se imunizar com a segunda dose é necessário levar o cartão de vacina, documento de identidade e CPF. 

O horário de funcionamento é o mesmo para as gestantes, ou seja, de 7h30 às 16h30 para pontos fixos e das 8h às 16h30 para pontos de drive-thru. Os endereços específicos para a imunização do público podem ser acessados no site.

De acordo com o vacinômetro de BH, até o momento, 184.676 profissionais receberam a primeira, e 93.091, a segunda dose da vacina contra o coronavírus na cidade.
 

Leia mais sobre a COVID-19

Confira outras informações relevantes sobre a pandemia provocada pelo vírus Sars-CoV-2 no Brasil e no mundo. Textos, infográficos e vídeos falam sobre sintomasprevençãopesquisa vacinação

Quais os sintomas do coronavírus?

Desde a identificação do vírus Sars-CoV2, no começo de 2020, a lista de sintomas da COVID-19 sofreu várias alterações. Como o vírus se comporta de forma diferente de outros tipos de coronavírus, pessoas infectadas apresentam sintomas diferentes. E, durante o avanço da pesquisa da doença, muitas manifestações foram identificadas pelos cientistas. Confira a relação de sintomas de COVID-19 atualizada.

O que é a COVID-19?

A COVID-19 é uma doença provocada pelo vírus Sars-CoV2, com os primeiros casos registrados na China no fim de 2019, mas identificada como um novo tipo de coronavírus pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em janeiro de 2020. Em 11 de março de 2020, a OMS declarou a COVID-19 como pandemia.

(foto: Hudson Franco/EM/D.A Press)
(foto: Hudson Franco/EM/D.A Press)

Veja vídeos explicativos sobre este e outros tema em nosso canal

 


* Estagiária sob supervisão do subeditor Frederico Teixeira


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade