Publicidade

Estado de Minas ONDA VERMELHA

Formiga regride para onda vermelha e manterá apenas serviços essenciais

Município mantém suspensão de cirurgias e atendimentos eletivos; leitos exclusivos para COVID-19 foram ampliados


07/01/2021 15:28 - atualizado 07/01/2021 17:52

Prefeito pediu conscientização da população(foto: Divulgação/Prefeitura de Formiga)
Prefeito pediu conscientização da população (foto: Divulgação/Prefeitura de Formiga)

Formiga, na Região Centro-Oeste de Minas Gerais, permitirá apenas o funcionamento dos serviços considerados essenciais pelo programa Minas Consciente a partir deste sábado (9/1). A microrregião regrediu para a onda vermelha, a fase mais restritiva do plano estadual. Em duas semanas, o município registrou 248 casos confirmados de COVID-19.

 

Com a decisão, poderão manter as portas abertas, apenas serviços essenciais, como bancos, farmácias, padarias e supermercados. “Diante do cenário, vamos seguir os protocolos e a partir de sábado, como determina o programa, os serviços não essenciais só poderão funcionar de forma delivery. Sabemos que isso afeta diretamente a economia do município, bem como de comerciantes, mas é necessário cautela e principalmente o cuidado com a saúde da população”, ressalta o prefeito Eugênio Vilela. A determinação é válida por oito dias e revisada semanalmente. 

 

Seguindo as diretrizes do Minas Consciente podem funcionar as seguintes atividades: supermercados, padarias, lanchonetes, lojas de conveniência; bares e restaurantes (somente para delivery ou retirada no balcão); açougues, peixarias, hortifrutigranjeiros; serviços de ambulantes de alimentação; farmácias, drogarias, lojas de cosméticos, lavanderias, pet shop; bancos, casas lotéricas, cooperativas de crédito; vigilância e segurança privada; serviços de reparo e manutenção; lojas de informática e aparelhos de comunicação; hotéis, motéis, campings, alojamentos e pensões; construção civil e obras de infraestrutura; comércio de veículos, peças e acessórios automotores.

Situação do município

 

De acordo com o Boletim Epidemiológico divulgado ontem pela Secretaria Municipal de Saúde e a Câmara Técnica de Enfrentamento ao novo Coronavírus, Formiga tem 2.132 casos confirmados da doença. Ainda segundo o balanço, 20 pessoas estão internadas sendo que sete delas estão na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). 

 

Na manhã desta quinta-feira (07/01) foi confirmado a 37º morte em decorrência da doença. Trata-se de um homem, de 68 anos. Ele era hipertenso e estava internado em Campo Belo. 

 

Um novo decreto publicado hoje prorrogou a suspensão de cirurgias eletivas bem como os atendimentos eletivos no Centro Municipal de Atenção à Saúde (CEMAS).  

Novos leitos

Os cinco leitos de UTI exclusivos para pacientes com quadro clínico compatível com a COVID-19 serão reabilitados na Santa Casa de Formiga. Eles foram desativados em outubro pela Secretaria de Estado de Saúde (Ses) a partir da redução de internações. Agora, o município aguarda a habilitação por parte do Ministério da Saúde, mas já estão em funcionamento.

 

“Hoje a Santa Casa conta com 10 leitos de UTI para atender a população formiguense e a população que faz parte da microrregião”, esclarece o secretário de Saúde, Leandro Pimentel.

 

A microrregião de Formiga abrange Bambuí, Córrego Danta, Córrego Fundo, Formiga, Iguatama, Medeiros, Pains e Pimenta.

 

*Amanda Quintiliano especial para o EM

 

O que é o coronavírus


Coronavírus são uma grande família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus (COVID-19) foi descoberto em dezembro de 2019, na China. A doença pode causar infecções com sintomas inicialmente semelhantes aos resfriados ou gripes leves, mas com risco de se agravarem, podendo resultar em morte.
Vídeo: Por que você não deve espalhar tudo que recebe no Whatsapp

Como a COVID-19 é transmitida? 

A transmissão dos coronavírus costuma ocorrer pelo ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas, como gotículas de saliva, espirro, tosse, catarro, contato pessoal próximo, como toque ou aperto de mão, contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

Vídeo: Pessoas sem sintomas transmitem o coronavírus?


Como se prevenir?

A recomendação é evitar aglomerações, ficar longe de quem apresenta sintomas de infecção respiratória, lavar as mãos com frequência, tossir com o antebraço em frente à boca e frequentemente fazer o uso de água e sabão para lavar as mãos ou álcool em gel após ter contato com superfícies e pessoas. Em casa, tome cuidados extras contra a COVID-19.
Vídeo: Flexibilização do isolamento não é 'liberou geral'; saiba por quê

Quais os sintomas do coronavírus?

Confira os principais sintomas das pessoas infectadas pela COVID-19:

  • Febre
  • Tosse
  • Falta de ar e dificuldade para respirar
  • Problemas gástricos
  • Diarreia

Em casos graves, as vítimas apresentam:

  • Pneumonia
  • Síndrome respiratória aguda severa
  • Insuficiência renal
Os tipos de sintomas para COVID-19 aumentam a cada semana conforme os pesquisadores avançam na identificação do comportamento do vírus. 

Vídeo explica por que você deve 'aprender a tossir'


Mitos e verdades sobre o vírus

Nas redes sociais, a propagação da COVID-19 espalhou também boatos sobre como o vírus Sars-CoV-2 é transmitido. E outras dúvidas foram surgindo: O álcool em gel é capaz de matar o vírus? O coronavírus é letal em um nível preocupante? Uma pessoa infectada pode contaminar várias outras? A epidemia vai matar milhares de brasileiros, pois o SUS não teria condições de atender a todos? Fizemos uma reportagem com um médico especialista em infectologia e ele explica todos os mitos e verdades sobre o coronavírus.

Coronavírus e atividades ao ar livre: vídeo mostra o que diz a ciência

Para saber mais sobre o coronavírus, leia também:

 

 

 

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade