Publicidade

Estado de Minas SAÚDE

Índia deixa de usar hidroxicloroquina e ivermectina para tratar COVID-19

País era um dos últimos a permitir o uso de medicamentos comprovadamente ineficazes contra a doença


24/09/2021 21:22 - atualizado 24/09/2021 21:24

None
(foto: Foto de Anna Shvets no Pexels)
O Conselho Regional de Medicina e Pesquisa da Índia (ICMR) retirou a hidroxicloroquina e a ivermectina da sua lista de medicamentos aprovados para o tratamento da COVID-19.

 

A decisão foi publicada nesta sexta-feira, 24 de setembro. O que se sabe é que o Conselho não usará mais estes medicamentos como forma de tratamento de pacientes diagnosticados com o vírus.

 

Pesquisas científicas já demonstraram que remédios usados para tratar de doenças autoimunes (hidroxicloroquina) ou infestação de parasitas (ivermectina) não são eficazes no combate ao novo coronavírus. Iclusive, em alguns casos, pode deixar os pacientes com sequelas graves ou provocar morte.

 

Como o caso do  jovem que usou tratamento de ivermectina e pode precisar de um transplane de fígado  ou como mostra o estudo que comprovou que a  hidroxicloroquina provoca aumeno da mortalidade.

   

A despeito das recomendações de infectologistas e da Organização Mundial Da Saúde (OMS), agora também diferentemente da Índia, o presidente Jair Bolsonaro defende o que chama de "tratamento precoce" da COVID-19.

 

Mesmo com a Anvisa deixando claro que as substâncias em questão só devem ser usadas *apenas* para o tratamento dos males e sintomas especificados na bula, Bolsonaro voltou a defender, em uma live realizada na quinta-feira, 16 de setembro, o uso indiscriminado desses remédios contra o coronavírus,  até a transmissão ao vivo ser interrompida.

 

"É crime falar em tratamento inicial no Brasil. Ano passado me senti mal e tomei um negócio aí para a malária e me curei no dia seguinte. Eu, talvez, tenha sido reinfectado nos últimos dias, semanas, de vez em quando tomo ivermectina e tomo com esse...", dizia Bolsonaro, quando a live saiu do ar.

 

O senador Luis Carlos Heinze (PP-RS), que faz parte da tropa de choque bolsonarista na CPI da COVID no Senado Federal, também já citaram a Índia como exemplo no combate à doença. 

  

*Estagiária sob a supervisão da editora Teresa Caram  

 

Leia mais sobre a COVID-19

Confira outras informações relevantes sobre a pandemia provocada pelo vírus Sars-CoV-2 no Brasil e no mundo. Textos, infográficos e vídeos falam sobre  sintomas prevenção pesquisa  vacinação .
 

Confira respostas a 15 dúvidas mais comuns

Guia rápido explica com o que se sabe até agora sobre temas como risco de infecção após a vacinação, eficácia dos imunizantes, efeitos colaterais e o pós-vacina. Depois de vacinado, preciso continuar a usar máscara?  Posso pegar COVID-19 mesmo após receber as duas doses da vacina?   Posso beber após vacinar?  Confira esta e outras  perguntas e respostas sobre a COVID-19 .

Acesse nosso canal e veja vídeos explicativos sobre COVID-19

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade