UAI
Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

Com aumento de casos de COVID-19, UFLA suspende aulas presenciais

Início do semestre está marcado para a próxima segunda, 10 de janeiro. As atividades previstas ao menos até o dia 29/1 serão realizadas apenas pela internet


06/01/2022 11:23 - atualizado 06/01/2022 11:45

Campus da UFLA em Lavras
A instituição informou que vai continuar avaliando o cenário epidemiológico para tomar novas decisões a respeito das aulas no câmpu (foto: Paulo Filgueiras/EM/D.A Press - 24/02/2014)
 
A Universidade Federal de Lavras (UFLA), no Sul de Minas Gerais, anunciou a suspensão das aulas presenciais por 20 dias em razão do “aumento expressivo do número de casos de COVID-19 no município”. O novo semestre começa em 10 de janeiro. 

A decisão foi oficializada nessa quarta-feira (5/1) por meio da publicação de uma portaria normativa assinada pelo reitor em exercício, Márcio Machado Ladeira. 



“A suspensão das atividades presenciais de ensino na graduação ocorrerá de 10 a 29/1/22. Nesse período, todas as atividades letivas previstas para execução no formato presencial terão seu formato alterado para Não Presencial (ANP), com exceção dos cursos com permissão legal estrita para a continuidade de atividades presenciais”, diz a nota publicada no site da instituição. 

De acordo com a universidade, o calendário letivo do segundo semestre de 2021, ainda em vigor, será mantido e os dias da suspensão serão computados como letivos. 

A instituição também informou que vai continuar avaliando o cenário epidemiológico para tomar novas decisões a respeito das aulas no câmpus. 

Segundo o boletim da Secretaria Municipal de Saúde do município, divulgado ontem, a cidade teve 156 novos casos confirmados da COVID-19, de pessoas com idades entre nove meses e 87 anos. Foram realizados 401 testes. Há uma semana, em 30 de dezembro, a cidade havia registrado apenas 28 novos casos da doença. 

Nenhum óbito pcorreu. “Não foi informado para a Vigilância Epidemiológica se os pacientes positivos foram vacinados ou se já tiveram COVID”, diz a pasta.



Na véspera do Natal do ano passado, a prefeitura confirmou três casos da variante ômicron na cidade. Os pacientes integravam um grupo de empresários que havia viajado para Cancún, no México, e voltou a Minas com sintomas de gripe. 

Leia mais sobre a COVID-19

Confira outras informações relevantes sobre a pandemia provocada pelo vírus Sars-CoV-2 no Brasil e no mundo. Textos, infográficos e vídeos falam sobre sintomasprevençãopesquisa vacinação.
 

Confira respostas a 15 dúvidas mais comuns

Guia rápido explica com o que se sabe até agora sobre temas como risco de infecção após a vacinação, eficácia dos imunizantes, efeitos colaterais e o pós-vacina. Depois de vacinado, preciso continuar a usar máscara? Posso pegar COVID-19 mesmo após receber as duas doses da vacina? Posso beber após vacinar? Confira esta e outras perguntas e respostas sobre a COVID-19.

Acesse nosso canal e veja vídeos explicativos sobre COVID-19



receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade