UAI
Publicidade

Estado de Minas COVID-19

BH: dois dos três principais indicadores da COVID entram em nível de alerta

Taxa de ocupação dos leitos de enfermaria, que nessa segunda apresentou uma situação de controle - de 44,9% - hoje subiu para 50,2%


07/12/2021 20:07 - atualizado 07/12/2021 22:10

Leitos para pacientes com COVID-19
O indicador que contabiliza a transmissibilidade do coronavírus, que já estava em alta há cinco dias, apresentou um patamar maior nesta terça (foto: Gil Leonardi/Imprensa MG )
 
Dois dos três principais indicadores da COVID-19 voltaram a subir para o nível de alerta nesta terça (7/12), segundo o boletim epidemiológico e assistencial da Prefeitura de Belo Horizonte (PBH). A taxa de ocupação dos leitos de enfermaria, que nessa segunda-feira apresentou uma situação de controle - de 44,9% - hoje subiu de forma expressiva - saltando para 50,2%. 

Indicadores da COVID-19 em BH
O nível de transmissibilidade chegou a RT 1,06 (foto: Janey Costa/Arte EM/D.A Press )

 
O indicador que contabiliza a transmissibilidade do coronavírus, que já estava em alta há cinco dias, apresentou um patamar maior nesta terça - chegando a RT 1,06, o que significa que 100 pessoas podem transmitir o vírus da COVID-19 para outras 106 pessoas. Na quinta-feira, a RT estava em 1,01 e na sexta em 1,03. 
 
 
Na última sexta-feira, a prefeitura descartou o diagnóstico da Ômicron em uma mulher que havia chegado ao em BH vinda da África, sendo internada assim que foi diagnosticada com a COVID-19. 

A situação das UTIs também está sob controle: ocupação de 43,6%, índice registrado também nessa segunda-feira.
 
Agora são 293.672 casos confirmados da doença e 7.048 vidas perdidas na capital mineira desde o início da pandemia. Nas últimas 24 horas, foram registrados três óbitos e 112 novas infecções por coronavírus.
 

Leia mais sobre a COVID-19

Confira outras informações relevantes sobre a pandemia provocada pelo vírus Sars-CoV-2 no Brasil e no mundo. Textos, infográficos e vídeos falam sobre sintomasprevençãopesquisa vacinação.
 

Confira respostas a 15 dúvidas mais comuns

Guia rápido explica com o que se sabe até agora sobre temas como risco de infecção após a vacinação, eficácia dos imunizantes, efeitos colaterais e o pós-vacina. Depois de vacinado, preciso continuar a usar máscara? Posso pegar COVID-19 mesmo após receber as duas doses da vacina? Posso beber após vacinar? Confira esta e outras perguntas e respostas sobre a COVID-19.

Acesse nosso canal e veja vídeos explicativos sobre COVID-19


 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade