Publicidade

Estado de Minas Dia dos Pais

De distanciamento nas escadas rolantes a proibição de pets: shoppings de BH estão prontos para reabrir

Além das medidas recomendadas pelas autoridades municipais de saúde, os shoppings de BH elaboraram protocolos próprios para receber os clientes depois de quase 150 dias fechados


05/08/2020 18:49 - atualizado 06/08/2020 03:20

Centros de compra vão poder funcionar de quinta a sábado, de 12h às 20h(foto: Marcelo Pereira/M11 Photos)
Centros de compra vão poder funcionar de quinta a sábado, de 12h às 20h (foto: Marcelo Pereira/M11 Photos)
Com a reabertura do comércio anunciada pela Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) nessa terça-feira (4), os shoppings da capital vão poder funcionar por três dias nesta semana, de quinta a sábado, para tentar garantir as vendas para o Dia dos Pais. Mas, em meio à pandemia do novo coronavírus, a rotina de quem quiser sair de casa para comprar um presente não será a mesma. 

A primeira restrição é de horário: os centros de compra podem abrir somente entre 12h e 20h. Nos espaços comuns e lojas, os clientes vão encontrar uma série de protocolos de prevenção, desde restrição de entrada e distanciamento nas escadas rolantes até aferição de temperatura e proibição da entrada de animais de estimação. 

Cinemas e academias não podem funcionar, e praças de alimentação somente por entrega ou retirada no local. Para quem preferir não sair de casa, algumas lojas vão continuar atendendo pela internet. Além das medidas recomendadas pelas autoridades municipais de saúde, como limite de entrada e exigência do uso da máscara, os shoppings de BH elaboraram protocolos próprios para receber os clientes depois de quase 150 dias fechados. 

No Shopping Del Rey, as cancelas do estacionamento vão funcionar automaticamente, sem a necessidade de ativação manual, enquanto a temperatura corporal dos clientes será aferida nas portarias, por meio de câmeras e termômetros. O centro de compras vai reforçar a higienização dos espaços com produtos químicos específicos, e garante que a manutenção do ar-condicionado está em dia.
Bebedouros, espaços infantis e de convivência, e a área reservada para animais de estimação foram desativados temporariamente. Os serviços de aluguel de carrinhos de bebê e cadeiras de rodas também não vão funcionar. 

Nos espaços e lojas, os clientes devem encontrar marcações que orientam para o distanciamento mínimo de dois metros, bem como divisões de acrílico em locais de atendimento. Segundo o shopping, todos os funcionários diretos e indiretos estão sendo testados para a COVID-19, e são obrigados e usar máscaras e escudos faciais. 

De acordo com o superintendente do Del Rey, Miguel Magnavita, os protocolos visam trazer segurança e tranquilidade para quem for comprar, e a retomada será feita com “responsabilidade e calma”. “Durante esses quase 150 dias de portas fechadas, nos dedicamos ao apoio aos nossos lojistas e ao planejamento da retomada das atividades de forma responsável. Para nós, a saúde, a segurança e o bem-estar de nossos colaboradores, lojistas, clientes e parceiros está em primeiro lugar”, afirma o superintendente. 
 
No Shopping Estação BH, do mesmo grupo empresarial do Del Rey, os protocolos de prevenção são similares. O empreendimento garante que vai reforçar os processos de limpeza em todas as áreas, e pias com água e sabão estão à disposição. Espaços comuns, como parquinhos e bicicletários serão desativados, e animais de estimação não vão poder entrar, com exceção de cães-guia. Dentro das lojas, clientes e funcionários precisam respeitar a lotação própria, e fora esse limite é de uma pessoa a cada sete metros quadrados. 
O superintendente do Estação BH, Rodrigo Vellozo, afirma que a equipe do centro de compras se mobilizou para assegurar uma retomada gradativa de maneira segura. “Desde o início da pandemia, buscamos assegurar que nossos colaboradores, lojistas e seus funcionários, bem como nossos clientes, estivessem resguardados, e não será agora, quase cinco meses depois, que vamos negligenciar a vida, ela é nossa maior prioridade. 
 

Parceria com infectologistas 

 
Pátio Savassi, Diamond Mall e BH Shopping, três empreendimentos da mesma empresa na capital, também adotaram medidas comuns para prevenir a transmissão do novo coronavírus. Os centros de compras vão seguir as recomendações da PBH, além de um protocolo próprio, elaborado em parceria com infectologistas. A temperatura de todos os consumidores e funcionários será aferida nas portarias, e todos são obrigados a usar máscara. Os shoppings vão instalar purificadores de ar e tapetes sanitizantes de sapatos nas entradas. 

As áreas externas e internas dos shoppings vão ser constantemente higienizadas, e bebedouros e cadeiras serão removidos. Além disso, a entrada em elevadores e banheiros será limitada. Nos estacionamentos, haverá menos vagas disponíveis e os clientes poderão pagar pelo celular, a fim de evitar filas. As cancelas também vão funcionar automaticamente, e a entrada de animais de estimação está proibida.

Segundo o vice-presidente institucional da empresa controladora dos três empreendimentos, Vander Giordano, a prioridade na retomada é a segurança de clientes e colaboradores. “Estamos colocando em prática medidas adicionais de prevenção à Covid-19, além daquelas obrigatórias, e reforçando ainda mais a rotina de higienização do shopping, que já era bastante rigorosa”
 

'Prevenção é o melhor remédio' 

 
Já no Minas Shopping, a capacidade máxima de lotação nos elevadores e na praça de alimentação será reduzida. Ao usar a escada rolante, cada pessoa deve respeitar um espaço de três degraus em relação à outra. A higienização rotineira dos espaços comuns será reforçada e clientes e funcionários terão acesso a álcool em gel. Enquanto isso, o fraldário, espaço família, escritórios compartilhados e bebedouros vão ser desativados.

As medidas são reforçadas com placas de orientação, instaladas nos locais de uso comum. “Essas medidas serão fundamentais para que todos possam fazer suas compras e ter acesso aos serviços com segurança”, afirma o gerente geral do shopping, Fábio Freitas. “A prevenção é, e sempre será, o melhor remédio para que juntos possamos vencer a COVID-19”, conclui.   

O protocolo de medidas sanitárias preparado pelo Boulevard Shopping contou com consultoria especializada em infectologia, além da chancela do Hospital Mater Dei. O uso de máscara é apenas recomendado a clientes e colaboradores das lojas, e obrigatório para funcionários. O centro de compras elaborou uma cartilha de sugestões para os lojistas, que recomenda distância mínima nos caixas e higienização dos provadores. 
 
Algumas entradas do shopping estarão fechadas, e fraldários e empréstimos de carrinhos foram desativados. Áreas de convivência foram remanejadas para garantir o distanciamento mínimo, e atividades de recreação estão suspensas. 
 
*Estagiário sob supervisão  da editora-assistente Vera Schmitz
 

O que é o coronavírus

Coronavírus são uma grande família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus (COVID-19) foi descoberto em dezembro de 2019, na China. A doença pode causar infecções com sintomas inicialmente semelhantes aos resfriados ou gripes leves, mas com risco de se agravarem, podendo resultar em morte.
Vídeo: Por que você não deve espalhar tudo que recebe no Whatsapp



Como a COVID-19 é transmitida?


A transmissão dos coronavírus costuma ocorrer pelo ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas, como gotículas de saliva, espirro, tosse, catarro, contato pessoal próximo, como toque ou aperto de mão, contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

Vídeo: Pessoas sem sintomas transmitem o coronavírus?



Como se prevenir?


A recomendação é evitar aglomerações, ficar longe de quem apresenta sintomas de infecção respiratória, lavar as mãos com frequência, tossir com o antebraço em frente à boca e frequentemente fazer o uso de água e sabão para lavar as mãos ou álcool em gel após ter contato com superfícies e pessoas. Em casa, tome cuidados extras contra a COVID-19.
Vídeo: Flexibilização do isolamento não é 'liberou geral'; saiba por quê



Quais os sintomas do coronavírus?

Confira os principais sintomas das pessoas infectadas pela COVID-19:

  • Febre
  • Tosse
  • Falta de ar e dificuldade para respirar
  • Problemas gástricos
  • Diarreia

Em casos graves, as vítimas apresentam

  • Pneumonia
  • Síndrome respiratória aguda severa
  • Insuficiência renal

Os tipos de sintomas para COVID-19 aumentam a cada semana conforme os pesquisadores avançam na identificação do comportamento do vírus.

 

Vídeo explica porque você deve aprender a tossir



VIDEO1]

Mitos e verdades sobre o vírus


Nas redes sociais, a propagação da COVID-19 espalhou também boatos sobre como o vírus Sars-CoV-2 é transmitido. E outras dúvidas foram surgindo: O álcool em gel é capaz de matar o vírus? O coronavírus é letal em um nível preocupante? Uma pessoa infectada pode contaminar várias outras? A epidemia vai matar milhares de brasileiros, pois o SUS não teria condições de atender a todos? Fizemos uma reportagem com um médico especialista em infectologia e ele explica todos os mitos e verdades sobre o coronavírus.

Coronavírus e atividades ao ar livre: vídeo mostra o que diz a ciência

Para saber mais sobre o coronavírus, leia também:

 
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade