Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

Comerciantes esperam convencer prefeitura de BH a permitir reabertura

Em reunião no início da tarde desta quinta-feira (2/7), na sede da PBH, eles pretendem apresentar alternativas para o funcionamento de lojas


postado em 02/07/2020 10:57 / atualizado em 02/07/2020 12:05

Manifestantes foram à porta da Prefeitura de Belo Horizonte na segunda-feira pedir a reabertura do comércio na cidade(foto: Leandro Couri/EM/D.A. Press)
Manifestantes foram à porta da Prefeitura de Belo Horizonte na segunda-feira pedir a reabertura do comércio na cidade (foto: Leandro Couri/EM/D.A. Press)
Insatisfeitos com o recuo da Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) na flexibilização de atividades econômicas, representantes de diversos segmentos do comércio da capital vão tentar convencer o executivo municipal a permitir a reabertura de estabelecimentos.

Às 14 horas desta quinta-feira (2/7), eles vão apresentar ao Comitê de Enfrentamento à Epidemia da COVID-19, alternativas para a retomada das atividades.

O encontro, que deverá contar com a presença do prefeito Alexandre Kalil (PSD), ocorre quase um mês depois da última reunião entre as partes. Naquela ocasião, alguns setores foram autorizados a voltar a funcionar.

Como houve recuo ao invés de avanço, a insatisfação do setor é grande. Na segunda-feira, houve até protesto na porta da PBH, no Centro, com manifestantes empunhando faixas com dizeres como "BH não pode parar" e gritos de "queremos trabalhar", além de apitaço. Houve também a distribuição de máscaras, onde se lia "fora Kalil".

Já na terça-feira a concentração foi em frente à Câmara Municipal, no Santa Efigênia. A pauta foi a mesma da véspera, reforçada por cartazes de apoio ao presidente Jair Bolsonaro, partidário da abertura irrestrita das atividades econômicas, ainda que a prática não seja recomendada pelas autoridades sanitárias.

O presidente do Sindicato do Comércio Lojista de Belo Horizonte (Sindilojas-BH), Nadim Donato Filho, está esperançoso de que eles conseguirão convencer as autoridades da segurança de reabrir setores da economia. "Nossa expectativa é muito grande. Vamos apresentar números para o prefeito e a equipe dele, vamos fazer propostas de reabertura e lutar por aquilo que nós precisamos, que é levantar as nossas portas de aço urgente", disse o dirigente de classe, em entrevista à rádio Itatiaia.

Desde segunda-feira, apenas o comércio essencial está autorizado a funcionar na capital mineira. O motivo do recuo foi a piora na disseminação no novo coronavírus, o que impactou na ocupação de leitos hospitalares, inclusive de UTI, em Belo Horizonte.

Kalil tem se mostrado fiel ao que aconselham os integrantes do Comitê de Enfrentamento à Epidemia da COVID-19. E diz que toda decisão é baseada em pareceres técnico-científicos.

O que é o coronavírus

Coronavírus são uma grande família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus (COVID-19) foi descoberto em dezembro de 2019, na China. A doença pode causar infecções com sintomas inicialmente semelhantes aos resfriados ou gripes leves, mas com risco de se agravarem, podendo resultar em morte.
Vídeo: Por que você não deve espalhar tudo que recebe no Whatsapp



Como a COVID-19 é transmitida?


A transmissão dos coronavírus costuma ocorrer pelo ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas, como gotículas de saliva, espirro, tosse, catarro, contato pessoal próximo, como toque ou aperto de mão, contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

Vídeo: Pessoas sem sintomas transmitem o coronavírus?



Como se prevenir?


A recomendação é evitar aglomerações, ficar longe de quem apresenta sintomas de infecção respiratória, lavar as mãos com frequência, tossir com o antebraço em frente à boca e frequentemente fazer o uso de água e sabão para lavar as mãos ou álcool em gel após ter contato com superfícies e pessoas. Em casa, tome cuidados extras contra a COVID-19.
Vídeo: Flexibilização do isolamento não é 'liberou geral'; saiba por quê



Quais os sintomas do coronavírus?

Confira os principais sintomas das pessoas infectadas pela COVID-19:

  • Febre
  • Tosse
  • Falta de ar e dificuldade para respirar
  • Problemas gástricos
  • Diarreia

Em casos graves, as vítimas apresentam

  • Pneumonia
  • Síndrome respiratória aguda severa
  • Insuficiência renal

Os tipos de sintomas para COVID-19 aumentam a cada semana conforme os pesquisadores avançam na identificação do comportamento do vírus.

 

Vídeo explica porque você deve aprender a tossir



VIDEO1]

Mitos e verdades sobre o vírus


Nas redes sociais, a propagação da COVID-19 espalhou também boatos sobre como o vírus Sars-CoV-2 é transmitido. E outras dúvidas foram surgindo: O álcool em gel é capaz de matar o vírus? O coronavírus é letal em um nível preocupante? Uma pessoa infectada pode contaminar várias outras? A epidemia vai matar milhares de brasileiros, pois o SUS não teria condições de atender a todos? Fizemos uma reportagem com um médico especialista em infectologia e ele explica todos os mitos e verdades sobre o coronavírus.

Coronavírus e atividades ao ar livre: vídeo mostra o que diz a ciência

Para saber mais sobre o coronavírus, leia também:


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade