Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas Psicologia positiva

Resposta de relaxamento

'Basicamente, a resposta de relaxamento é uma quebra do modo de pensar diário e ela ocorre com o uso de técnicas que existem há milênios'


18/10/2020 04:00 - atualizado 18/10/2020 08:54


Está cansado? Tem ficado mais irritado? Ou está sofrendo de dores crônicas, enxaquecas, alergias e outras doenças do sistema autoimune? Cuidado, isso pode ser um aviso para DESCANSAR.

Não estamos descansando há mais de sete meses. A vida tem sido um constante ficar alerta e vigiar. Medo do que é invisível, mas pode se tornar um inimigo mortal tem mudado a vida de muitas pessoas. Aqui, nem estou falando de mudanças financeiras ou perda de emprego. Estou alertando você do perigo real à sua saúde sem ser por conta da falta de dinheiro ou pela COVID-19. Mas sim pelo estresse constante.

Estamos sem descansar. Ativando nosso estado de alerta do Sistema Nervoso Central (SNC) como mostrei no artigo passado. Sem descanso, adoecemos. Um alerta melhor é dado pela sabedoria corporal. Ou você para ou eu te paro. A doença mental ou física vem do cansaço, um esgotamento.

E o que devemos fazer?

Aprender a relaxar. A fazer nosso corpo relaxar.

Hebert Benson, cardiologista famoso dos EUA, estuda desde os anos 60 anos essas respostas de relaxamento no funcionamento melhor do coração. Como fundador do Instituto Benson do Hospital Geral de Massachusetts – uma instituição médica que trabalha os efeitos da mente e do corpo com as RESPOSTAS DE RELAXAMENTO – e também, professor de medicina da Escola Médica de Harvard – viu que a resposta de relaxamento foi a grande sacada de uma medicina preventiva. Assim, é pensada como o oposto da resposta de luta ou fuga de nosso corpo, quando ativado nosso sistema nervoso central para agir diante dos desafios ou ameaça de segurança.

Nós ocidentais, durante muitos anos, separamos a mente do corpo, o que, segundo Benson, aconteceu por conta de interesses políticos e brigas entre a igreja que queria a mente e Rene Descartes, que queria o corpo. Essa separação foi então reforçada pela ciência, como a descoberta das bactérias causadoras de doenças, das vacinas contra os vírus e a descoberta da penicilina. Desenvolveu-se então a ideia de que apenas medicamentos e cirurgia funcionavam. Mas, mesmo assim, sempre se teve uma hipótese de que a mente poderia afetar o corpo.

Com o tempo, começou a se notar a importância da relação dos médicos e terapeutas com os pacientes, que essa relação terapêutica influenciava no tratamento e com isso descobriram que a mente é inseparável do corpo.

Mesmo se descobrindo como a mente influencia nosso corpo, ainda não se leva tão a sério com falas frequentes como “não se preocupe… está tudo na sua cabeça”, como se por estar na cabeça, não tem tanto problema assim… logo passa.

Bom, fato é que, hoje, vemos doenças sendo causadas pelo estresse contínuo, que mantém a pessoa com seu sistema de ativação simpática ligado e, muitas vezes, ainda pior, levando a um estado de CONGELAMENTO NO ESTRESSE – depressão por esgotamento, doenças como câncer, entre outros males que só vem aumentando.

Para piorar, em tempo de pandemia, uma pessoa em estresse aumenta seu nível de adrenalina e cortisol e com isso, baixa suas defesas autoimunes.

Podemos e devemos alertas nossa população, que hoje, através de muitos estudos de neurocientistas, conseguimos ver que é possível relaxar a mente por meio do relaxamento do corpo, como Benson descobriu. Por isso, estou aqui, alertando que algo simples como MEDITAR TODOS os dias, fazer IOGA regularmente pode melhorar suas respostas de relaxamento.

Quando descansamos, aprendemos a mandar uma resposta debaixo para cima, do corpo para a mente – que, aliás, é muito mais rápida e veiculado pelo nervo vago, que sobe com 80% de suas fibras em direção à mente – e lá avisa que cá embaixo, no corpo, já estamos bem relaxados. Então, a mente pode melhorar sua produção de neuromoduladores que melhoram e regulam o SNC que se encontra desregulado.

Vale a pena meditar, sair para passear e apreciar o belo, ter momentos de bons relacionamentos e boas risadas pois quando isso fazemos coregulamos com amor e paz.

Basicamente, a resposta de relaxamento é uma quebra do modo de pensar diário e ela ocorre com o uso de técnicas que existem há milênios como a técnica da repetição, seja a repetição de uma palavra, um som, um movimento, a meditação ou a prece em alguns grupos religiosos.

Lembrando as dicas que deixei: meditação mindfulness ou taichi e ioga entram então como técnicas para obter a resposta de relaxamento.

De acordo com Benson, a resposta de relaxamento é benéfica contra os efeitos fisiológicos negativos do estresse e da resposta de luta e fuga.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade