Publicidade

Estado de Minas TURISMO

Com as temperaturas despencando, qualquer destino é de inverno. Será?!

Destinos que aproveitaram a pandemia para se planejar começam a ver os resultados dos investimentos e agradam aos turistas


03/08/2021 06:00 - atualizado 02/08/2021 14:10

Pousada da Villa, em Tiradentes(foto: Divulgação/Asset)
Pousada da Villa, em Tiradentes (foto: Divulgação/Asset)
Nessa última semana, pudemos ver e sentir o frio chegando de vez em diversas partes do país. A geada no sul de Minas e até neve no sul do país, fizeram com que muita gente que nem tinha se planejado, corresse para curtir um pouquinho das experiências que o só o frio proporciona. E mesmo com a volta às aulas, a tendência é que as pessoas planejem pelo menos uma escapadinha no fim de semana para uma taça de vinho ao pé da lareira. Mas será que qualquer destino é de inverno? Será que basta a temperatura cair e um cobertor quentinho no hotel para transformar um destino em apropriado para o frio?


Desfrutar do inverno é bem diferente de sair de casa para sofrer de frio em qualquer lugar! Acho que todo mundo já passou por uma experiência de sentir aquele frio desconfortável, de doer os ossos. E esse tipo de sensação, definitivamente, não é nada agradável. Por isso, ao escolher um destino de inverno, é importante ter atenção a como esses locais, incluindo hotéis, restaurantes e até mesmo atrativos estão estruturados para receber nessa época do ano. Devem ser realizados investimentos para que o turista se sinta confortável, por isso, muitas vezes, os preços sobem à medida que as temperaturas caem.
 
Leia também:  
 
Os enxovais dos hotéis e pousadas devem estar de acordo com a temperatura local, com estoque extra, pois sempre existem aqueles hóspedes que precisam de uma coberta a mais. O custo com aquecedores e energia também sobem, e os pratos quentes devem ter "aquele" destaque nos cardápios.

Tiradentes, a cidade histórica localizada no Campo das Vertentes, em Minas Gerais, é exemplo de um destino que cada vez mais vem conseguindo se destacar em diversos segmentos. Já consolidada como destino histórico cultural e gastronômico, a cidade também está preparada para os turistas de inverno. Com as temperaturas podendo chegar 5°C, diversos empreendimentos estão bem adaptados para garantir aconchego, sem dor nos ossos! O restaurante Pacco & Bacco, por exemplo, instalou ar condicionado quente e frio nos ambientes, e portas de vidro temperado para que as pessoas possam admirar a bela paisagem da cidade, protegidas do frio. Mas quem prefere ficar ao ar livre, também não vai sofrer, pois o restaurante possui aquecedores a gás nas áreas abertas. Já na Pousada do Imperador, além dos ambientes, as camas e toalhas também são aquecidas e na Pousada da Villa, alguns apartamentos contam até mesmo com lareira.

A pandemia fez com que muitos destinos e empreendedores se planejassem melhor a médio e longo prazo, e os resultados começam a aparecer para quem foi além da implantação dos novos protocolos de segurança para o COVID-19. Em várias regiões do Brasil, além de já reconhecidos destinos de inverno como Monte Verde, Campos do Jordão e Gramado, que são realmente fantásticos nessa época do ano, outros começam a despontar também nesta segmentação. Como é o caso de Tiradentes, Itabirito - com experiências bem interessantes fora da zona urbana, em Minas, Domingos Martins, na região das montanhas no Espírito Santo, e até mesmo no Ceará, na cidade de Guaramiranga que fica a aproximadamente 100 km de Fortaleza, é possível curtir a estação mais aconchegante do ano com muito conforto.

Os viajantes estão cada vez mais antenados na hora de escolher um destino de viagem, seja para férias ou apenas uma esticada de fim de semana, as pessoas agora já sabem pesquisar e estão ávidas por destinos inovadores e fora do trajeto convencional. Isso dá grandes chances aos destinos que estão se estruturando e começando agora, e é um novo desafio aos que já estão estruturados e precisam sair da zona de conforto. E para quem viaja, acredito que cada vez mais poderemos experimentar locais que antes nem passavam pela nossa cabeça ou que nem sabíamos que existia.

Quer saber mais sobre turismo, além de apenas dicas de viagem? Me siga no Instagram @blogdaisabellaricci ou acesse blogdaisabellaricci.com.br

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade