UAI
Publicidade

Estado de Minas PERSEGUIÇÃO

Vereadora sofre ameaças por defender direitos da mulher e de pessoas LGTQI+

Em Conselheiro Lafaiete, vereadora recebe ameaça de morte após aprovar projetos que defendem direitos da mulher e de pessoas transexuais


23/07/2021 16:37 - atualizado 23/07/2021 17:26

Em Conselheiro Lafaiete, Damires Rinarlly, vice-presidente da Câmara Municipal, sofre ameaças de morte e perseguição (foto: Instagram/Reprodução )
Em Conselheiro Lafaiete, Damires Rinarlly, vice-presidente da Câmara Municipal, sofre ameaças de morte e perseguição (foto: Instagram/Reprodução )
A vice-presidente da Câmara Municipal de Conselheiro Lafaiete, na Região Central de Minas, Damires Rinarlly (PV), denuncia ameaças de morte e perseguição após aprovar projeto que defende os direitos das pessoas transsexuais e travestis. A vereadora também é autora de projetos sobre direitos da mulher e apoio a vítimas de violência doméstica. 

Damires tem 25 anos, é advogada e a única parlamentar mulher na Casa legislativa. A Polícia civil instaurou inquérito para investigar as ameaças sofridas e, para sua proteção, medidas cautelares protetoras foram decretadas na última semana 

Ameaça de morte 


As agressões tiveram início após a aprovação do projeto de lei, de autoria da vereadora, que assegura o uso do nome social por pessoas travestis e transexuais nos órgãos de administração municipal. O projeto foi somado a uma lista de propostas de Damires, que debatem direitos da mulher e das minorias. 

“Estou sofrendo ameaças de morte, perseguição, homofobia, misoginia, calúnia, injúria e difamação”, compartilhou a parlamentar em seu perfil no Twitter. 

As ameaças partiram de grupos de WhatsApp, vindas de um ex-candidato a vereador do município. O homem compartilhou um vídeo sobre uma mulher assassinada, dizendo que Damires precisava disso. 

Em áudio, o suspeito enfatizou: “Essa raça tem que morrer”, se referindo à vereadora e às pessoas transexuais. 

"Lutarei por uma sociedade mais justa, igualitária e sem preconceitos e que prevaleça sempre o respeito"

Damires Rinarlly



Em vídeo no Instagram, Damires afirmou que seguirá trabalhando pela garantia de direitos a toda a população e firma seu compromisso com a cidade. 

“Sempre fiz políticas públicas para todos e todas sem deixar de, em nenhum momento, observar toda a nossa população. É diante disto que eu vou continuar resistindo, vou continuar ecoando todas as vozes que confiaram em mim para eu estar hoje como vereadora”, publicou. 

O Partido Verde repudiou as ameaças sofridas pela vereadora. "É impossível que tenhamos que conviver com tamanha covardia praticada contra Damires em pleno século 21. O Brasil está regredindo, na contramão do mundo", afirmou José Luiz Penna, presidente nacional da legenda.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade