Publicidade

Estado de Minas VACINA

COVID-19: Anvisa autoriza estudo sobre dose de reforço da vacina da Pfizer

Segundo a Anvisa, o objetivo do estudo com a terceira dose da vacina é avaliar a segurança, resposta imune e a eficácia


19/06/2021 14:55 - atualizado 19/06/2021 15:18

(foto: AFP / Joseph Prezioso)
(foto: AFP / Joseph Prezioso)
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou nesta sexta-feira (18/6), a realização de um estudo clínico para testar a possibilidade de uma dose de reforço da vacina contra COVID-19 desenvolvida pela Pfizer. Segundo o órgão, o objetivo do estudo com a terceira dose da vacina é avaliar a segurança, resposta imune e a eficácia de estratégias de reforço em diferentes populações de participantes que receberam previamente duas doses do imunizante no estudo inicial.

De acordo com a Anvisa, 443 participantes deverão ser recrutados no centro clínico do Hospital Santo Antônio da Associação Obras Sociais Irmã Dulce, em Salvador e outras 442 virão do CEPIC, Centro Paulista de Investigação Clínica e Serviços Médicos, em São Paulo.

No estudo, serão incluídos participantes com 16 ou mais anos de idade, do sexo masculino e feminino, que tomaram as duas doses da vacina BNT162b2 há pelo menos seis meses no Brasil. Ainda de acordo com a agência, a Pfizer definirá a data de início dos testes.

Registro

Em fevereiro de 2021, a Anvisa concedeu o registro definitivo à vacina contra a COVID-19 desenvolvida pela farmacêutica norte-americana Pfizer em parceria com a empresa de biotecnologia alemã BioNtech.

O registro estabeleceu o uso da vacina na população acima ou igual de 16 anos de idade. Foi o primeiro imunizante a receber o registro de uso definitivo no Brasil com base nos estudos de Fase 3. Segundo a Pfizer Brasil, a vacina apresentou eficácia global de 95% em toda população do estudo, incluindo análise em diferentes grupos étnicos, e pacientes com condições clínicas de risco, sendo observada ainda uma eficácia de 94% em indivíduos acima de 65 anos.

Leia mais sobre a COVID-19

Confira outras informações relevantes sobre a pandemia provocada pelo vírus Sars-CoV-2 no Brasil e no mundo. Textos, infográficos e vídeos falam sobre sintomasprevençãopesquisa vacinação

Quais os sintomas do coronavírus?

Desde a identificação do vírus Sars-CoV2, no começo de 2020, a lista de sintomas da COVID-19 sofreu várias alterações. Como o vírus se comporta de forma diferente de outros tipos de coronavírus, pessoas infectadas apresentam sintomas diferentes. E, durante o avanço da pesquisa da doença, muitas manifestações foram identificadas pelos cientistas. Confira a relação de sintomas de COVID-19 atualizada.

O que é a COVID-19?

A COVID-19 é uma doença provocada pelo vírus Sars-CoV2, com os primeiros casos registrados na China no fim de 2019, mas identificada como um novo tipo de coronavírus pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em janeiro de 2020. Em 11 de março de 2020, a OMS declarou a COVID-19 como pandemia.


Veja vídeos explicativos sobre este e outros tema em nosso canal


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade