Publicidade

Estado de Minas INCÊNDIO NO BARREIRO

Homem põe fogo em apartamento e deixa mãe, irmã e sobrinho feridos em BH

Três parentes estão internados no Hospital João XXIII com queimaduras; segundo os bombeiros, homem apresentava sinais de embriaguez


11/07/2021 12:31 - atualizado 11/07/2021 13:41

Apartamento incendiado fica no quarto andar do prédio(foto: CBMMG/Divulgação)
Apartamento incendiado fica no quarto andar do prédio (foto: CBMMG/Divulgação)
Embriagado, WFS, de 51 anos, ateou fogo no apartamento em que mora, na Rua Intersindical, Bairro Flávio de Oliveira, na Região do Barreiro, em Belo Horizonte, e por pouco não provocou uma tragédia. A mãe, de 77 anos, a irmã, de 53, e um sobrinho, de 27 sofreram queimaduras e estão internados no Hospital João XXIII.


O incêndio teve início às 3h deste domingo (11/7), quando começaram a chegar telefonemas pedindo por socorro na Central do Corpo de Bombeiros. Foram 14, no total.

Quando os militares chegaram ao local, as vítimas ainda estavam no interior do apartamento e foi preciso que os bombeiros fizessem o resgate de maneira arriscada, em meio a muita fumaça.


A irmã do homem teve 70% do corpo queimado e passou por cirurgia. A mãe, que está em balão de oxigênio, por ter inalado muita fumaça, e o sobrinho contaram aos bombeiros que acordaram de madrugada, com muito calor e muita fumaça nos quartos. 


Eles tentaram sair de casa. No entanto, não conseguiram, pois as chamas estavam altas, principalmente na sala.


Foi nesse instante que os bombeiros chegaram ao local e começaram a debelar o fogo, chegando às vítimas, que foram retiradas.


Fogo na madrugada acordou moradores de conjunto habitacional (foto: CBMMG/Divulgação)
Fogo na madrugada acordou moradores de conjunto habitacional (foto: CBMMG/Divulgação)
Com a chegada da Polícia Militar, WFS, que estava no local, ainda dentro do prédio, foi preso, admitiu ter colocado fogo no apartamento. Ele tinha sintomas de embriaguez e falava embolado.

Não soube, segundo os policiais, explicar os motivos que o levaram a atear fogo na casa e por pouco não matou sua mãe, a irmã e o sobrinho. Ele foi preso e levado para a sede da 41ª Cia. da Polícia Militar.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade