Publicidade

Estado de Minas O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?

Simples atos que fazem a diferença para quem está internado

Francisco, por exemplo, está internado há quase 3 meses sem ver a esposa. E foi presenteado com um Dia dos Namorados antecipado no hospital, em Timóteo


11/06/2021 18:21 - atualizado 11/06/2021 18:47

Fabiana e Francisco durante o jantar romântico de um Dia dos Namorados antecipado e cheio de emoção, em Timóteo(foto: FSFX/Divulgação )
Fabiana e Francisco durante o jantar romântico de um Dia dos Namorados antecipado e cheio de emoção, em Timóteo (foto: FSFX/Divulgação )
O Dia dos Namorados, que será comemorado neste sábado (12/6), foi antecipado e perfeito para Francisco Ramos Pessoa, 35 anos, paciente do Hospital e Maternidade Vital Brazil (HMVB), em Timóteo (MG). A comemoração para ele e sua esposa ocorreu na quarta-feira (9/6), mas o motivo foi muito especial: a saudade bateu forte. 
Francisco mora na cidade Pombal (PB) e trabalha como ambulante, vendendo redes, dessas que servem para descansar e tirar um cochilo.

E foi assim que ele se acidentou. Estava deitado numa rede, em Timóteo, instalada em um muro, que cedeu e caiu sobre ele. Francisco sofreu traumatismo craniano e trauma abdominal.
 
Ele está internado há 83 dias no HMVB e, além das dores que sentia por causa das fraturas, o coração dele também doía, com saudades da amada, a esposa Fabiana dos Santos Souza, que estava em Pombal.
 
Mas a equipe do HMVB se mobilizou para curar o coração de Francisco e decidiu promover esse encontro especial, por meio de uma parceria com a Prefeitura de Pombal.

Assim, Fabiana veio da Paraíba e sentou com ele à mesa de um jantar, com direito a luz de velas e uma comida especial. Foi um momento emocionante para o casal.
 
Recuperada da COVID-19, Celina quis receber a bênção de um pastor e agradecer a Deus pela cura. Realizou o seu desejo(foto: FSFX/Divulgação )
Recuperada da COVID-19, Celina quis receber a bênção de um pastor e agradecer a Deus pela cura. Realizou o seu desejo (foto: FSFX/Divulgação )
 

O que importa para você?

Desejos como esse de Francisco, e de outros pacientes dos hospitais administrados pela Fundação São Francisco Xavier, como o HMVB, foram realizados nesta semana, em comemoração ao Dia Mundial do projeto “O que Importa para você?”, cujo objetivo é realizar sonhos dos pacientes, mesmo que sejam simples, mas que para eles significam muito.
 
O projeto surgiu nos Estados Unidos e, desde agosto do ano passado, é realizado em todas as unidades hospitalares da fundação. O projeto busca realizar desejos de pacientes internados e promover momentos de alegria e conforto.
 
A iniciativa tem o propósito de estimular conversas mais significativas entre profissionais de saúde e pacientes, criando um elo de compaixão e empatia entre eles. E proporciona aos pacientes momentos inesperados.
 
Momentos como o que viveu Gilson Leandro Ferreira, que está internado no HMVB há 46 dias. Com muita saudade de sua família, disse que gostaria de receber ao menos um depoimento de seus familiares. Para sua surpresa, seu filho chegou ao hospital trazendo um abraço do tamanho do mundo.
 
Outra paciente, Maria Pereira de Lima, não pensou duas vezes e escolheu ter um “dia de rainha”. Afinal, depois de quase 30 dias internada no HMVB, ela sentia a necessidade dos cuidados com a beleza. Aproveitou a ação para fazer escova nos cabelos, maquiagem e sobrancelha antes de receber alta.

Frango com quiabo, estímulo, gratidão e oração

Internado no Hospital Márcio Cunha há quase 40 dias, o paciente Mauro Lúcio da Costa tinha um simples desejo de degustar um prato especial: o tradicional frango com quiabo e angu.

Raiany Araújo dos Santos, paciente da Unidade de Oncologia do HMC, pediu que, em sua última semana de tratamento, pudesse compartilhar e apoiar as mulheres em tratamento na unidade, falando sobre a importância da autoestima e cuidado, por meio da palestra “Se ame em todas as suas versões”.
 
Filipe Lego Gomes, paciente do Centro de Terapia Renal Substitutiva há mais de 20 anos, desejou um momento especial para agradecer a toda equipe que fez, e faz, parte do seu tratamento e rotina para hemodiálise.
 
Receber a benção ou participar de um momento de oração pode ser reconfortante em um momento de dificuldade.

E esse era o desejo de dois pacientes internados no Hospital Municipal Carlos Chagas, em Itabira (MG). Celina Elizete Mendonça e José Maciel ficaram internados mais de 20 dias na Unidade de Terapia Intensiva para tratamento de COVID-19 e, desde que foram transferidos para a internação, estavam ansiosos para o momento de oração.
 
Celina recebeu a bênção especial de um pastor e José Maciel, além de ser abençoado por um padre, recebeu a surpresa do coral de uma igreja católica de Itabira.

Sonhos e desejos simples, mas que fizeram a diferença para todos os contemplados pelo projeto.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade