Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

Coronavírus: carga viral no esgoto de BH segue em patamar elevado

Estudo aponta que carga viral no fim de fevereiro foi cerca de 40% maior que a observada em julho de 2020, quando ocorreu o 1° pico da pandemia na capital


05/03/2021 21:45 - atualizado 05/03/2021 22:13

Ribeirão Arrudas é um dos locais monitorados pelos pesquisadores(foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press - 25/10/2020)
Ribeirão Arrudas é um dos locais monitorados pelos pesquisadores (foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press - 25/10/2020)
A carga viral do novo coronavírus detectada nas amostras de esgoto de Belo Horizonte continuou alta nas semanas de 15 a 19 de fevereiro e 22 a 26 de fevereiro deste ano. O Boletim de Acompanhamento nº 32 do projeto-piloto Monitoramento COVID Esgotos, divulgado nesta sexta-feira (5/3), aponta que a quantidade de cópias do vírus foi de cerca de 10 trilhões e de 25 trilhões por dia, respectivamente.
 
A carga viral registrada na última semana de monitoramento foi aproximadamente 40% superior à observada em julho de 2020. Esse foi um dos meses mais críticos da pandemia na capital mineira em termos de demanda no sistema local de saúde – na ocasião, foram registradas 18 trilhões de cópias.

De acordo com o Boletim, a carga viral em Belo Horizonte está num patamar semelhante ao observado no fim de 2020 e início de 2021, conforme mostra o gráfico a seguir. 
 
(foto: Monitoramento COVID Esgotos)
(foto: Monitoramento COVID Esgotos)
 

“Sendo assim, cumpre reforçar a importância de medidas de prevenção e controle, tal como o isolamento social, para redução da disseminação do vírus no município”, destaca o documento.

A população infectada é distribuída entre as faixas mínima, média e máxima. Nesse sentido, o boletim divulgado nesta sexta-feira estima que a população total infectada em Belo Horizonte seja respectivamente de 150, 200 e 270 mil pessoas, com base nas faixas. 

Para efeito de comparação, o último boletim estimou a população infectada mínima, média e máxima nos patamares de 170, 230 e 315 mil pessoas.
 
(foto: Monitoramento COVID Esgotos)
(foto: Monitoramento COVID Esgotos)
 

Os resultados das amostras de esgotos coletadas durante todo o projeto podem ser consultados no Painel Dinâmico Monitoramento COVID Esgotos (dashboard). 
 
*Estagiária sob supervisão  da subeditora Kelen Cristina


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade