Publicidade

Estado de Minas FEMINICÍDIO

Mulher é baleada e aciona a PM antes de morrer; suspeito foi preso no Sul de Minas

Homem foi detido em ação integrada no posto da PRF, na BR-381, em Perdões; crime aconteceu na casa do casal, em Jandira, interior paulista


13/11/2020 16:39 - atualizado 13/11/2020 17:45

Crime aconteceu na casa do casal em Jandira, interior paulista(foto: Google Street View)
Crime aconteceu na casa do casal em Jandira, interior paulista (foto: Google Street View)
Um homem de 41 anos foi preso suspeito de matar a esposa em ação integrada no posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), na BR-381, em Perdões, no Sul de Minas. O crime aconteceu em Jandira, interior paulista, na madrugada desta sexta-feira (13). A mulher, de 30 anos, foi atingida por, pelo menos, quatro tiros e conseguiu acionar a Polícia Militar antes de morrer.

 

De acordo com a PRF, o feminicídio aconteceu na casa do casal, no Bairro Sol Nascente, em Jandira. Depois de baleada, a vítima conseguiu ligar para a PM. “Por volta das 2h30, uma mulher ligou para a Polícia Militar, informando que havia sido agredida pelo marido no dia anterior e que nesta madrugada ele atirou nela, ferindo-a no braço, mão, tórax e cabeça”, diz a PRF.

 

Suspeito fugiu para o Sul de Minas e foi preso pela PRF(foto: PRF/divulgação)
Suspeito fugiu para o Sul de Minas e foi preso pela PRF (foto: PRF/divulgação)
A mulher também informou que o suspeito tinha fugido de carro para Minas Gerais. Elizabeth Assunção Soares Barroso chegou a ser socorrida, mas morreu ao dar entrada no pronto-socorro da cidade. “A Polícia Militar de São Paulo comunicou a PRF no Estado, que por sua vez enviou informativos para todas as unidades, que fazem divisa com São Paulo”, completa.

 

Em seguida, Lindomar Berylo foi preso em ação integrada no posto da PRF, em Perdões. “Ele informou aos policiais que matou a esposa, porque teria encontrado mensagens no seu celular que comprovariam uma suposta traição. Informou também que comprou a arma em uma feira popular e após o crime jogou-a em um matagal”, afirma.

 

O suspeito, preso em flagrante, foi levado para a Delegacia de Polícia Civil de Lavras. Ele foi encaminhado ao Presídio de Bom Sucesso.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade