Publicidade

Estado de Minas MINAS+VIVA

Secretária de Articulação Institucional do Ministério do Meio Ambiente abre evento em BH nesta quarta-feira

Samyra Crespo faz palestra magna do Minas+Viva. Exemplos de sucesso, shows do Uakti, oficinas de culinária e Gafieira 104 também estão na programação


postado em 07/08/2012 10:54 / atualizado em 08/08/2012 13:21

(foto: Divulgação/E.M.)
(foto: Divulgação/E.M.)
Belo Horizonte terá amanhã, no Teatro Alterosa (Avenida Assis Chateubriand, 499), e quinta-feira, no Espaço Cultural CentoeQuatro (Praça Estação) Belo Horizonte, com a realização do Minas+Viva, promoção do jornal Estado de Minas, Rádio Guarani e Portal Uai e patrocínio da Vale, a oportunidade de saber mais sobre sustentabilidade, conceito aplicado não apenas às ações voltadas para o meio ambiente, mas em todas as manifestações da vida, das mais simples à mais sofisticadas.

Na abertura, amanhã às 9h30, no Teatro Alterosa, palestra da secretária de Articulação Institucional e Cidadania Ambiental do Ministério do Meio Ambiente – MMA, Samyra Crespo. Às 10h45, apresentação do painel “Desenvolvimento com sustentabilidade” com palestras da subsecretária de Controle e Fiscalização Ambiental Integrada – Semad, Marília Carvalho de Melo, e do secretário Adjunto de Relações Internacionais – Congresso Mundial ICLEI, Rodrigo Perpétuo e Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg).

Quinta-feira, no CentoeQuatro, às 9h, Eduardo Avelar abre, como meadiador, o debate “O que os chefs estão conspirando pela gastronomia mineira?” e, depois de uma apresentação da cases, entram em cena os craques da culinária Ivo Faria e Eduardo Maya, o deputado federal e integrante da Comissão de Agricultura da Câmara José Silva e representantes do Instituto Mineiro da Agropecuária e da Associação Mineira de Supermercados.

Às 14h30, a gestora do CentoeQuatro, Inês Rabelo abre apresenta o tema "Cultura e revitalização de hipercentro", que será debatido a partir das 14h45 por Bernardo Guimarães (Nelson Bordello), Chico Pelúcio (ator e diretor do Galpão CineHorto), Regina Vieira (Sebrae) Leônidas Oliveira (PBH), Miriam Lott (Funarte), Stela Kleinath (Belotur), Solanda Stelckelberg (Fundação Clóvis Salgado), Mauro Werkema (Fundação Municipal de Cultura) e Angelo Oswaldo (prefeito de Ouro Preto) e Maurício Tizumba.
De acordo com definição em 1989 da diplomata e médica norueguesa Gro Harlem Brundtland, líder internacional em desenvolvimento sustentável, sustentabilidade é aquilo que satisfaz as necessidades do presente sem comprometer a capacidade das gerações futuras de satisfazer suas próprias necessidades. A palavra teve sua importância ampliada a partir da comprovação da diminuição e até mesmo extinção dos recursos naturais e da necessidade de se assegurar o futuro da humanidade

Mais informações e inscrições no endereço uai.com.br/minasviva


Publicidade