UAI
Publicidade

Estado de Minas CAPACITAÇÃO PROFISSIONAL

Quase 100 pessoas são qualificadas em cursos gratuitos em Montes Claros

'Acredito que eu consiga uma vaga de emprego que me ajude a prosperar em minha vida', diz participante de curso oferecido pela Divina Providência


27/06/2022 19:05 - atualizado 27/06/2022 21:48

Foto mostra sala de aula da Divina Providência
Instituição filantrópica oferece cursos gratuitos para jovens (foto: Divina Providência/divulgação)
Moradora de Montes Claros, no Norte de Minas, a adolescente Maria Eduarda Fernandes Peixoto, aos 15 anos, já tem uma profissão garantida: assistente administrativa. Ela aprendeu as noções da área administrativa de forma gratuita.

Maria Eduarda foi uma das jovens qualificadas nos cursos gratuitos oferecidos pelo Centro de Formação Divina Providência, instituição filantrópica voltada para capacitação profissional na cidade-polo do Norte do estado.

 

Na última quinta-feira (23/06), a entidade realizou a formatura dos alunos de quatro cursos de curta e longa duração, promovidos ao longo do primeiro semestre de 2022: Assistente Administrativo, Assistente de Recursos Humanos,  Informática e Corte e Costura. Foram qualificados 98 profissionais, sendo a maioria deles (73) na faixa de 14 a 17 anos.

  

Apesar da pouca idade, Maria Eduarda já está de olho em uma oportunidade no mercado de trabalho, visando aproveitar tudo o que aprendeu no curso de assistente administrativo. “Acredito que eu consiga uma vaga de emprego que me ajude a prosperar e ter outras coisas positivas em minha vida. Espero que o curso possa me ajudar muito no futuro”, afirma a adolescente.

 

Outra que recebeu a qualificação profissional gratuita foi Maria Clara Soares Silva, de 17. Ela concluiu o curso de Assisente Administrativo de Recursos Humanos. “Espero que logo eu possa trabalhar”, disse Maria Clara.

 

Ela ressalta que, após a conclusão do curso, se considera apta para atuar em diversas áreas na administração de uma empresa, como recursos humanos, gestão financeira, controle de qualidade, logística, vendas e marketing. “Sei que esse é um campo muito concorrido Mas existem muitas possibilidade de ingresso (no mercado de trabalho)”, comenta a jovem.

 

INSERÇÃO NO MERCADO DE TRABALHO 

 

Em 2021, o sistema Divina Providência capacitou 1.213 pessoas em mais de 20 cursos em Montes Claros. Uma das vantagens do sistema é a “Central de Empregos”, que facilita a inserção dos participantes dos cursos no mercado de trabalho. A entidade encaminha os trabalhadores capacitados para empresas parceiras, a fim de ocupar as vagas de emprego abertas por elas.

 

Conforme explica a coordenadora-geral da Divina Providência em Montes Claros, Jacqueline Marques de Oliveira, os cursos  da entidade são voltados para pessoas em situação de vulnerabilidade econômica e social. 

 

Da seleção dos candidatos às capacitações gratuitas, a instituição leva em conta as indicações de pessoas da chamada rede social, do Cadastro Único de Programas Sociais do Governo Federal, dos Centros de Referência em Assistência Social (Cras) e de outras fontes. A renda per capita dos candidatos também é avaliada.

 

AJUDA DE VOLUNTÁRIOS

 

Os cursos profissionalizantes são viabilizados a partir de parcerias com entidades públicas e com a iniciativa privada. A instituição conta com o apoio de voluntários, que apadrinham os alunos de baixa renda, com a possibilidade da dedução dos valores doados no Imposto de Renda.

 

Vinculado à Associação de Resgate da Dignidade Humana Providência Divina, o centro de formação profissional é adinistrado por um conselho, que tem como presidente o empresário Paulo César Santiago. Ele fundou o projeto em Montes Claros baseado em ação semelhante, da “Cidade dos Meninos”, maior unidade do Sistema Divina Providência, instalada em Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

 

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade