Publicidade

Estado de Minas INVESTIMENTOS

Indústria de medicamentos do kit intubação abre 700 vagas de emprego em MG

Laboratório Cristália anuncia investimentos de R$ 300 milhões em fábrica em Montes Claros; os empregos diretos serão gerados ao longo dos próximos cinco anos


01/06/2021 17:16 - atualizado 01/06/2021 18:06

Antiga fábrica da Santanense, em Montes Claros, adquirida pelo Cristália(foto: Cristalia/Divulgação)
Antiga fábrica da Santanense, em Montes Claros, adquirida pelo Cristália (foto: Cristalia/Divulgação)
 
Minas Gerais vai receber uma nova indústria farmacêutica, que envolverá investimentos de R$ 300 milhões e terá como uma das metas a ampliação da produção de medicamentos do chamado kit intubação, usados na sedação de pacientes graves da COVID-19.

O empreendimento é do Laboratório Farmacêutico Cristália e será implantado em Montes Claros, no Norte de Minas.
 

Nesta terça-feira (1º/6), o Cristália anunciou, oficialmente, a aquisição do imóvel onde funcionava a fábrica de tecidos Santanense, na cidade-polo do Norte de Minas, para a implantação da nova unidade.

Segundo a empresa, o empreendimento vai gerar 700 empregos diretos nos próximos cinco anos.

 

A fábrica da Santanense, que estava desativada há algum tempo, pertencia ao Grupo Têxtil Coteminas, que possui outras duas unidades em Montes Claros, onde o grupo foi fundado na década de 1960 pelo ex-vice-presidente da República José Alencar e pelo empresário Luiz de Paula Ferreira (ambos falecidos).

 

A negociação entre o Laboratório Cristália e a Coteminas foi iniciada há quatro meses. Não foi divulgado o valor da venda do imóvel, que tem 156 mil metros quadrados e 30 mil metros quadrados de área construída.

 

Fundado em 1972 e sediado em Tapira (SP), com capital 100% nacional, o Cristália Laboratório Farmacêutico, Farmoquímico e de Biotecnologia já possui outra planta no estado, em Pouso Alegre, no Sul de Minas. 

 

O grupo anunciou que o imóvel da Santanense em Montes Claros será reformado para a produção de vários medicamentos, "entre eles anestésicos e narcoanalgésicos utilizados no chamado kit intubação". 

 

De acordo com a empresa, a previsão é que a nova unidade entre em produção em 2023.

"Embora a necessidade atual seja de ampliação de linhas de produção para medicamentos do kit intubação, esta planta será multipropósito e estará apta a produzir vários tipos de fármacos", afirmou o presidente do Conselho Diretor e diretor geral do Laboratório Cristália, Ricardo Pacheco. 

 

O laboratório farmacêutico divulgou que "a cidade de Montes Claros foi escolhida (para receber o investimento) por conceder incentivos fiscais para a implantação de indústrias e pelo fato de o imóvel já contar com uma boa infraestrutura, acelerando as obras e adaptações necessárias para início da produção". 

 

Também destacou que "a região conta com mão de obra qualificada, uma vez que serão gerados cerca de 700 empregos diretos nos próximos cinco anos".

 

“Esta aquisição faz parte do plano de expansão do Cristália, que trabalha diariamente para atender a demanda do mercado brasileiro nos próximos anos, que tem crescido gradativamente”, assegurou Ricardo Pacheco.

 

Montes Claros, polo da indústria farmacêutica

Com o anúncio do investimento pelo Laboratório Cristália, Montes Claros (414,48 mil habitantes) consolida-se como um novo polo da indústria farmacêutica no país.

O município sedia unidades da Novo Nordisk (maior produtora de insulina do mundo, cujo capital é da Dinamarca) e a MSD Saúde Animal (fabricantes de vacinas e produtos veterinários, antiga Vallee).

Atualmente, estão em implantação na cidade grandes unidades dos laboratórios Eurofarma e Hipolabo.

 

O Laboratório Cristália, aos 49 anos, é um complexo industrial farmacêutico, farmoquímico, biotecnológico, de pesquisa, desenvolvimento e inovação 100% brasileiro.

É pioneiro na realização da cadeia completa de um medicamento, desde a concepção da molécula até o produto final.

 

A empresa possui 116 patentes em nível mundial, sendo recordista nacional. Além disso, é líder de mercado de anestésicos na América Latina. Ao todo, o Grupo Cristália conta com cerca de 5.600 colaboradores.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade