Publicidade

Estado de Minas RETOMADA DA AVIAÇÃO

Aeroporto Internacional de BH prevê aumento de passageiros e alta de 75% no número de voos

Terminal acompanha 'novo fôlego' do setor aéreo, após queda vertiginosa de chegadas e partidas, impactando diretamente na circulação de pessoas no espaço


15/07/2020 09:10 - atualizado 15/07/2020 09:35

Aeroporto Internacional de BH, assim como o setor aéreo como um todo, vai retomando o movimento de voos e de passageiros com o decorrer dos meses(foto: Carlos Altman/EM/D.A Press)
Aeroporto Internacional de BH, assim como o setor aéreo como um todo, vai retomando o movimento de voos e de passageiros com o decorrer dos meses (foto: Carlos Altman/EM/D.A Press)
Saguão vazio e pista tranquila. Este era o cenário do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, na Região Metropolitana, sobretudo na segunda quinzena de março e em abril, no início da pandemia do novo coronavírus. O terminal, que chegou a registrar uma queda no fluxo de passageiros na ordem de 96%, começa a ganhar um novo fôlego com a retomada de rotas por parte de algumas companhias aéreas.

De acordo com a BH Airport, concessionária responsável pelo aeroporto, o número de voos previstos somente para julho no terminal é de 1.400, o que representa um aumento de 75% em relação a junho, quando o número ficou em 800. O aumento no número de pousos e decolagens também reflete no fluxo de passageiros, que deve chegar a 100 mil neste mês. Em junho, foram contabilizadas 67,5 mil pessoas circulando no espaço.

Cenário muito diferente do que foi visto nos primeiros meses da pandemia. No começo de abril, a reportagem do Estado de Minas esteve no aeroporto e encontrou um saguão vazio, diferente do que o público está acostumado a ver. A partir daquele mês, de acordo com a BH Airport, cerca de 1.000 passageiros circulavam diariamente no terminal, número que, antes da COVID-19, girava em 30 mil. Uma queda de 96%. Isso pode ser explicado pela redução no número de rotas, uma vez que o aeroporto recebia, em abril, apenas 15 voos, entre pousos e decolagens.

“Sabemos da apreensão das pessoas em relação à pandemia que estamos vivendo e queremos que os nossos passageiros confiem que voar é seguro, sobretudo no nosso aeroporto. A aviação segue como o meio de transporte mais higiênico, rápido e seguro que existe. Estamos tomando todas as medidas necessárias para combater e prevenir a doença”, afirmou Clayton Begido, gestor de Conectividade e Aviação da BH Airport.

Em junho, foram 10 localidades atendidas partindo do Aeroporto Internacional de BH, número que deve subir para 15 neste mês. Os novos destinos são: Belém, Porto Seguro, Recife, Salvador e Aeroporto Internacional Tom Jobim (Rio de Janeiro). No mês passado, já haviam rotas para Brasília, Cuiabá, Aeroportos de Congonhas e Guarulhos (São Paulo), Montes Claros, Aeroporto Santos Dumont (Rio de Janeiro), São Luís, Uberlândia, Campinas e Vitória.

Seis dos destinos envolvendo o Aeroporto Internacional de BH são da Azul Linhas Aéreas, que será responsável por cerca de 20 voos diários a partir de Confins. A rotas para Guarulhos e Recife retornaram no dia 6, enquanto a ligação para Belém voltou no dia seguinte. Voos para Brasília e Salvador estão previstos para serem retomados no dia 20, enquanto a conexão para Porto Seguro deve reiniciar no dia seguinte.

“Sabemos que o transporte aéreo é essencial e fundamental para contribuir com a retomada da economia e estamos prontos para, junto com as novas medidas de higiene e protocolos sanitários, voar para cada região, garantindo a saúde de nossos clientes e tripulantes que precisam se deslocar entre as cidades”, disse Abhi Shah, vice-presidente de Receitas da Azul.

De olho na higienização


De acordo com a BH Airport, algumas ações foram implementadas no aeroporto para combater a COVID-19. Uma delas foi a disponibilização de dispensers de álcool em gel em diversos locais do terminal, além de barreiras de proteção nos locais de atendimento para garantir o distanciamento recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Além disso, o Exército capacitou uma equipe para atuar na descontaminação e higienização de áreas de grande circulação.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade