Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas SAI OU NÃO SAI?

Atlético: Nem Sampaoli sabe o que quer!

Técnico pode se tornar vencedor, se tiver mais humildade, mais coerência


09/02/2021 12:44

Técnico tem proposta de time francês(foto: Pedro Souza/Atlético)
Técnico tem proposta de time francês (foto: Pedro Souza/Atlético)


Sampaoli vai para o Olimpique de Marselha ou manterá o contrato com o Atlético até o fim de 2021? Essa pergunta, nem ele mesmo sabe responder.

A informação que tenho é a de que ele está comprometido com o projeto de reforços para o time nesta temporada, e que tem sugerido vários nomes. Só tem um detalhe: com a nova diretoria, para um jogador ser contratado, tem que haver o ok de todos: Sérgio Coelho, Renato Salvador, Rodrigo Caetano e toda a equipe investidora no clube. Antes, Sampaoli mandava e desmandava, agora a banda toca diferente.

Talvez esteja aí a insatisfação dele. Gosta de ser a figura central, de determinar e não gosta de respeitar hierarquia. Nos meus canais eu tenho percebido que 90% dos atleticanos estão insatisfeitos com o trabalho dele. Justamente pela expectativa que causou ao gastar R$ 200 milhões em contratações, que, na minha visão, aconteceu com jogadores medianos. Me apontem um grande nome contratado por Sampaoli?

O Atlético já foi vice-campeão brasileiro com Procópio, Humberto Ramos, Cuca, Levir Culpi e alguns outros nomes que não me recordo agora. Nenhum deles gastou R$ 200 milhões em contratações, longe disso.

E o pior, talvez Sampaoli não seja nem vice-campeão, e fique com um terceiro ou quarto lugar, o que seria um vexame pelo investimento feito. Criou-se uma expectativa grande por ser esse Brasileirão um dos mais fracos da história, com nenhum time referência, mas o projeto era de médio prazo.

Chegar à Libertadores é obrigação, por isso, jogadores pontuais estão sendo contratados, para que o Galo monte um time forte para aí sim brigar pela taça. Sampaoli não é um péssimo técnico, mas também não é isso tudo que se imagina. Suas incoerências e incerteza mostram o motivo de ele chegar aos 60 anos com apenas um título, e com a seleção chilena, em 2015. Depois disso, nada. Só fracassos.

Sampaoli pode se tornar vencedor, se tiver mais humildade, mais coerência, e entender que uma equipe deve ter uma base de 8 jogadores titulares. Pode até fazer duas ou três mudanças, não mais que isso, pois vira invenção e o fracasso é iminente.

Sampaoli pôs 3 zagueiros em jogos contra equipes fracas. Depois mudou e pôs dois zagueiros contra os fortes. Tirou atacante e pôs meia. Tirou meias e pôs atacantes. É um verdadeiro “samba do crioulo doido”. O torcedor fica sem entender.

É sabido que Rafael é muito mais goleiro que Everson, mas ele não o tira do gol, pois sabe que, se o fizer, estará passando recibo pela péssima contratação. Goleiro pra mim, primeiro tem que jogar com as mãos, se der, joga com os pés, de preferência, um chutão para afastar a bola da área. O que não é admissível são as ofensas a Everson e sua família nas redes sociais. Isso é crime, é barbarie, é covardia. Se ele não consegue um desempenho melhor, é porque não tem potencial para isso. Esforça-se, trabalha e se dedica. A polícia deveria identificar os bandidos, odiosos, que se escondem em perfis falsos, nas redes sociais, para destilar o ódio e o veneno, e prendê-los. A paixão do torcedor tem que ter limite. Qualquer atitude radical é condenável.

Para fechar, se nem mesmo Sampaoli sabe se vai ou fica, como nós vamos saber? A incoerência dele é em todos os aspectos. Me parece um ser inconstante, uma pessoa indecisa. Pelo menos é o que ele demonstra. Renato Gaúcho, melhor técnico em atividade no Brasil, é o sonho de consumo de Flamengo, São Paulo, Atlético e até do próprio Grêmio, onde ele está há cinco anos. Para mim, deveria ser o técnico da Seleção Brasileira. Acredito que o sonho dele é dirigir o Flamengo, mas, é claro, vai trabalhar onde lhe pagarem melhor e apresentarem um projeto vencedor. Nesse quesito, o Galo tem tudo para tê-lo, caso Sampaoli saia. E o torcedor, pelo que vejo, já não faz questão que ele fique. Do amor, no começo da competição, ao ódio, no fim dela, foi um pulo!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade