Publicidade

Estado de Minas TURISMO

Sampa: rotas cênicas para melhorar a experiência turística

Saiba na prática como muitas vezes o caminho pode ser melhor ou tão bom quanto o destino


22/10/2021 06:00 - atualizado 29/10/2021 07:31

Praia de Cambury
Praia de Cambury, em São Sebastião, São Paulo (foto: Alf Ribeiro/Expressão Studio)
 
As viagens rodoviárias podem ser chatas, cansativas e entediantes. Mas com criatividade uma viagem de carro pode surpreender e tornar o caminho tão prazeroso quanto o destino. Esse é o investimento que alguns destinos fazem, são as rotas cênicas, que têm o objetivo de tornar a experiência turística mais intensa e prazerosa. Algumas são famosas, como a Highway One, no estado da Califórnia, com paradas cinematográficas. Entre tantas outras no mundo, no Brasil já começam algumas iniciativas neste sentido.



Afinal, num país com dimensões continentais como o nosso, as viagens rodoviárias são uma realidade, e investir em segurança e experiências é uma excelente alternativa para transformar nossas viagens em momentos de lazer e aprendizado sobre as regiões e locais que muitas vezes só assistimos da janela do carro.

O estado de São Paulo está apostando neste novo conceito,  através das Rotas Cênicas  e pretende valorizar atributos cênicos em viagens rodoviárias, estabelecendo paradas que deem mais significado ao deslocamento, como uma vista exuberante no alto de uma serra ou um patrimônio histórico e cultural, por meio da instalação de plataformas, paradouros, mirantes e skywalks. As paradas estratégicas no percurso para apreciar a paisagem, experimentar a gastronomia regional e a cultura local dão mais significado à viagem e estão em sintonia com o desejo do turista no pós-pandemia. As rodovias deixam de ser apenas locais de passagem para se tornarem parte da experiência de viagem.

O estado que possui as 10 melhores rodovias do país, de acordo com a CNT (Confederação Nacional do Transporte), tem condições de viabilizar a construção de estruturas anexas e integradas, junto aos municípios. Dessa forma, a implantação deste novo conceito, através de estruturas físicas, não prejudica o fluxo e viabiliza o turismo de forma segura. Já são previstas 4 rotas, que envolvem diversos municípios de acordo com sua vocação turística. 

A rota Vale do Ribeira, inclui o extremo sul do litoral paulista e carrega a memória da colonização, a gastronomia típica, o ciclo do ouro e do arroz e o entorno de natureza. À beira das rodovias estão sete parques estaduais, patrimônios naturais pela Unesco. A segunda rota é a da Mantiqueira Paulista, que inclui o maior maciço montanhoso do Brasil e quatro dos maiores picos do país são entrecortados por rodovias. Há também o famoso Circuito das Águas e Flores, a região rica em fontes hidrominerais já se consolidou como destino de turismo medicinal. E as famosas cidades das flores - Holambra, Jaguariúna e Pedreira, na região que possui o maior mercado de flores do Brasil.

E por fim, as rodovias do Litoral Norte completam as 4 rotas cênicas. As praias paradisíacas, desertas ou agitadas, com vistas deslumbrantes do próprio carro. Nesta região ainda existem poucos paradouros e passarelas, mas são rodovias vizinhas a inúmeras trilhas, cachoeiras e piscinas naturais e que levam a destinos que oferecem passeios de barcos com grande oferta de pousadas, casas de veraneio, restaurantes e centros culturais. 

Ou seja, São Paulo é muito mais que a capital do estado com o perfil cosmopolita das grandes metrópoles que tanto nos encanta. Existem diversas possibilidades de lazer, como está sendo possível mostrar nesta série, que já mostrou a reabertura do  Museu da Língua Portuguesa  e o  Room Office  como uma evolução da hotelaria moderna. 

Quer saber mais sobre turismo, além de apenas dicas de viagem? Me siga no Instagram  @blogdaisabellaricci  ou acesse  blogdaisabellaricci.com.br

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade