Publicidade

Estado de Minas COPA DO BRASIL

Atlético inicia busca pelo bicampeonato da Copa do Brasil contra o Remo

Times se enfrentam nesta quarta-feira, a partir das 19h, pela terceira fase


02/06/2021 07:44 - atualizado 02/06/2021 07:49

Atlético vai ter Dodô como titular contra o Remo (foto: Pedro Souza/Atlético)
Atlético vai ter Dodô como titular contra o Remo (foto: Pedro Souza/Atlético)
Candidato ao título de todas as competições que disputa na temporada 2021, o Atlético inicia a caminhada em busca do bicampeonato da Copa do Brasil nesta quarta-feira. Às 19h, a bola rola para o duelo de ida da terceira fase do torneio contra o Remo, no Baenão, em Belém, no Pará. O jogo de volta será na próxima quinta, no mesmo horário, no Mineirão.

Campeão em 2014 ao superar o arquirrival Cruzeiro na decisão, o Atlético, por disputar a Copa Libertadores nesta temporada, não precisou passar pelos dois confrontos anteriores. Já o Remo eliminou Esportivo-RS e CSA na primeira e na segunda fases, respectivamente.

Atlético desfalcado

A 'Data Fifa' desfalca o Atlético de seis jogadores no confronto com o Remo: os laterais Guga e Guilherme Arana (Seleção Brasileira Olímpica), o zagueiro Junior Alonso (Paraguai), o meio-campista Alan Franco (Equador) e os atacantes Savarino (Venezuela) e Vargas (Chile).

"Agora, é dar oportunidade a outros. Eu não me queixo. Acho que oportunidade sempre é um fato bom, positivo, para aqueles que estão sendo menos utilizados poderem mostrar trabalho também", afirmou o técnico Cuca.

O comandante alvinegro terá de encontrar soluções para as ausências de quatro titulares - Guga, Arana, Alonso e Savarino. Mariano, na direita, e Dodô, na esquerda, serão os escolhidos nas laterais.

Na zaga, a tendência é que Réver ganhe a vaga de Alonso. No ataque, Eduardo Sasha, recuperado de uma tendinite no pé esquerdo, é o principal candidato a ficar com o lugar de Savarino. Sávio e Echaporã também são opções. Keno continua em recuperação de lesão muscular na coxa esquerda e nem viajou.

Existe, ainda, a possibilidade de Cuca poupar os titulares mais desgastados, especialmente no meio-campo. O trio utilizado como titular na partida do último domingo (derrota por 2 a 1 para o Fortaleza, pelo Campeonato Brasileiro) foi formado por Allan, Tchê Tchê e Nacho Fernández e pode ser modificado.

O adversário

O Remo chegou, nessa terça-feira, a 100 dias de invencibilidade. No período, foram 16 jogos, com dez vitórias e seis empates. Apesar do bom momento, o time foi eliminado do Campeonato Paraense para o Tuna Luso, ainda na semifinal.

O Atlético vai rever uma série de personagens com passagens pelo futebol mineiro. A começar pelo técnico Paulo Bonamigo, que dirigiu o time alvinegro em 2004. O elenco conta com os volantes Anderson Uchôa, revelado pelo Cruzeiro, e Vinícius Kiss, que rodou o interior de Minas Gerais. O meia Felipe Gedoz, ex-Defensor-URU e Athletico-PR, é um dos destaques.

"Vai ser um jogo de erro zero, porque errar contra uma equipe como o Atlético pode ser fatal. É um excelente nível de jogo. Para nós, uma excelente oportunidade. É fazer uma boa exibição, um grande jogo, chegar a um equilíbrio na partida e medir forças com o Atlético", projetou o volante Lucas Siqueira, autor de dois gols no empate por 2 a 2 com o CRB, no último sábado, na estreia na Série B.

REMO X ATLÉTICO

Remo
Vinícius; Thiago Ennes, Suéliton, Rafael Jansen e Marlon; Anderson Uchôa, Lucas Siqueira e Felipe Gedoz; Jefferson, Lucas Tocantins e Renan Gorne
Técnico: Paulo Bonamigo

Atlético
Everson; Mariano, Igor Rabello (Gabriel), Réver e Dodô; Jair (Allan), Tchê Tchê (Matías Zaracho) e Nacho Fernández (Nathan ou Hyoran); Eduardo Sasha, Marrony e Hulk
Técnico: Cuca

Motivo: jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil
Local: Baenão, em Belém (PA)
Data e horário: quarta-feira, 2 de junho de 2021, às 19h (de Brasília)

Árbitro: Antonio Dib Moraes de Sousa (PI)
Assistentes: Rogério de Oliveira Braga (PI) e Márcio Iglésias Araújo Silva (PI)

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade