Publicidade

Estado de Minas PREFEITURA

Kalil tem 74% de aprovação à frente da prefeitura de BH, diz pesquisa

Prefeito de Belo Horizonte tem gestão considerada 'ótima' por 22,4% dos entrevistados e 'boa' para outros 39,3% dos eleitores ouvidos


25/02/2021 08:41 - atualizado 25/02/2021 09:44

Prefeito Alexandre Kalil, durante coletiva na sede da PBH(foto: Edésio Ferreira/EM/D.A Press)
Prefeito Alexandre Kalil, durante coletiva na sede da PBH (foto: Edésio Ferreira/EM/D.A Press)
Uma pesquisa feita pelo Instituto Paraná Pesquisas, cujo resultado foi divulgado nesta quinta-feira (25/02), mostra que o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), tem 74,5% de aprovação no comando do Executivo municipal. O levantamento também indicou que a gestão de Kalil é considerada ‘ótima’ e ‘boa’ para 61,7% dos entrevistados.

A pesquisa mostrou que 74,5% dos entrevistados aprovam a gestão de Kalil em Belo Horizonte. Outros 22,6% não gostam da forma que o prefeito conduz a capital mineira. Os que não souberam ou não opinaram representam 3% dos eleitores ouvidos.

As entrevistas foram realizadas entre 18 e 22 de fevereiro, aproximadamente um ano desde que o prefeito da capital mineira passou a adotar medidas consideradas impopulares, como fechamento do comércio não-essencial.

O levantamento também buscou opiniões mais detalhadas dos entrevistados. Ao todo, 61,7% classificaram a gestão de Kalil como 'ótima' e 'boa', com 22,4% e 39,3%, respectivamente. Aqueles que não gostam da gestão do prefeito de BH somam 15,6%, sendo 6,7% que opinaram como administração 'ruim' e 8,9% que acham uma condução 'péssima' por parte do chefe do Executivo municipal. Para 21,4% dos eleitores ouvidos, o mandato de Alexandre Kalil é considerado "regular". Outros 1,3% não souberam responder ou não opinaram.

O índice de aprovação do mandato de Kalil sofreu poucas alterações de março de 2020 até a última pesquisa. De lá para cá, o índice passou de 74,6% para 72% em julho e depois para 73,5% em setembro, até o presente levantamento com 74,5%.

O mesmo foi constatado entre os que desaprovam a gestão do prefeito de BH, indo de 22,5% para 24,5% e depois para 22,8%, até os 22,6% do levantamento atual. Os que não souberam ou não opinaram foram de 2,9% para 3% na pesquisa atual, atingindo 3,5% e 3,7% nas duas últimas pesquisas.

Kalil foi reeleito com 63,36% dos votos, contra 9,95% do segundo colocado, Bruno Engler (PRTB). Em terceiro lugar, com 9,22%, ficou João Vítor Xavier (Cidadania). Depois, vem Áurea Carolina, do Psol, que conseguiu 8,33%.

A pesquisa ouviu 705 eleitores maiores de 16 anos. A amostra atinge um grau de confiança de 95% para uma margem de erro estimada em, aproximadamente, 4% para os resultados gerais.   


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade