Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Bolsonaro: 'Muito maior que a própria vida é a nossa liberdade'

Durante reunião com o presidente do STF, Dias Toffoli, presidente voltou a defender a flexibilização do isolamento social


postado em 07/05/2020 14:45 / atualizado em 07/05/2020 15:00

(foto: Reprodução/Agência Brasil)
(foto: Reprodução/Agência Brasil)
Durante reunião com o ministro do Supremo Tribunal (STF) Dias Toffoli nesta quinta-feira (6), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a defender a flexibilização do isolamento social tendo em vista a saúde da economia do país. “Nós temos um bem muito maior até a própria vida, se me permite falar isso, é a nossa própria liberdade”, afirmou. 

“Nós devemos nos preocupar com vidas, sim, mas também com empregos, porque economia é vida. Em um país onde a economia não anda, a expectativa de vida vai lá para baixo, o IDH também. E nós queremos o Brasil ocupe o lugar de destaque que ele merece. Devemos tomar, todos nós, decisões, sejam criticadas ou não, mas bem-intencionadas, baseadas na nossa Constituição, respeitando a democracia e a liberdade”, afirmou o presidente.

No encontro, que contou com a presença do ministro da Economia Paulo Guedes e diversos empresários, Bolsonaro também disse que nas próximas horas assinaria novos decretos para flexibilizar a reabertura de alguns setores. “Com toda certeza farei isso.” Como exemplo dessa ação, o presidente citou a construção civil, já contemplada em decreto assinado pela manhã. “Devemos todos tomar decisões, sejam criticadas ou não”, declarou. 

Paulo Guedes também falou com Toffoli e explicou o motivo que os levou até ali. Segundo ele, Bolsonaro foi o primeiro a apontar os riscos econômicos desse isolamento e a audiência realizada ao longo da manhã mostrou a necessidade de levar esses pontos até o STF. 

Vale relembrar que a reunião não estava estava apontada na agenda oficial do presidente e que o o STF já havia decidido que prefeitos e governadores têm autonomia para decidir quais medidas adotar no enfrentamento da pandemia.

De acordo com a  assessoria do STF, o encontro com Toffoli foi marcado de última hora e também não estava previsto na agenda do ministro.
 
*Estagiária sob supervisão da editora Liliane Corrêa

O que é o coronavírus?

Coronavírus são uma grande família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus (COVID-19) foi descoberto em dezembro de 2019, na China. A doença pode causar infecções com sintomas inicialmente semelhantes aos resfriados ou gripes leves, mas com risco de se agravarem, podendo resultar em morte.

Como a COVID-19 é transmitida?

A transmissão dos coronavírus costuma ocorrer pelo ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas, como gotículas de saliva, espirro, tosse, catarro, contato pessoal próximo, como toque ou aperto de mão, contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

Como se prevenir?

A recomendação é evitar aglomerações, ficar longe de quem apresenta sintomas de infecção respiratória, lavar as mãos com frequência, tossir com o antebraço em frente à boca e frequentemente fazer o uso de água e sabão para lavar as mãos ou álcool em gel após ter contato com superfícies e pessoas. Em casa, tome cuidados extras contra a COVID-19.

Quais os sintomas do coronavírus?

Confira os principais sintomas das pessoas infectadas pela COVID-19:

  • Febre
  • Tosse
  • Falta de ar e dificuldade para respirar
  • Problemas gástricos
  • Diarreia


Em casos graves, as vítimas apresentam:

  • Pneumonia
  • Síndrome respiratória aguda severa
  • Insuficiência renal

Mitos e verdades sobre o vírus

Nas redes sociais, a propagação da COVID-19 espalhou também boatos sobre como o vírus Sars-CoV-2 é transmitido. E outras dúvidas foram surgindo: O álcool em gel é capaz de matar o vírus? O coronavírus é letal em um nível preocupante? Uma pessoa infectada pode contaminar várias outras? A epidemia vai matar milhares de brasileiros, pois o SUS não teria condições de atender a todos? Fizemos uma reportagem com um médico especialista em infectologia e ele explica todos os mitos e verdades sobre o coronavírus.

Para saber mais sobre o coronavírus, leia também:

Gráficos e mapas atualizados: entenda a situação agora
Vitamina D e coronavírus: o que já sabemos
Coronavírus: o que fazer com roupas, acessórios e sapatos ao voltar para casa
Animais de estimação no ambiente doméstico precisam de atenção especial
Coronavírus x gripe espanhola em BH: erros (e soluções) são os mesmos de 100 anos atrás


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade