Publicidade

Estado de Minas

Milhares de pessoas vão às ruas de Montes Claros em apoio a Bolsonaro

Segundo os organizadores, o ato contou com cerca de 2,5 mil pessoas. Os manifestantes cantaram o Hino Nacional e rezaram o Pai-Nosso, depois saíram em passeata


postado em 26/05/2019 19:03 / atualizado em 26/05/2019 20:47

(foto: Mauro Miranda/Divulgação)
(foto: Mauro Miranda/Divulgação)

Centenas de pessoas se concentraram na Avenida Deputado Esteves Rodrigues (Sanitária), em frente ao Senac, na região Central de Montes Claros, no Norte de Minas, neste domingo, na manifestação de apoio ao governo do presidente Jair Bolsonaro. 

Após a concentração, debaixo do sol forte, os manifestantes realizaram uma passeata pela avenida. Segundo os organizadores, o ato contou com cerca de 2,5 mil pessoas. A manifestação foi pacífica, sendo acompanhada de perto pela Policia Militar, que, por meio do Centro de Operações (Copom), informou que não fez estimativa de público. 

(foto: Mauro Miranda/Divulgação)
(foto: Mauro Miranda/Divulgação)

Durante o ato público em frente ao prédio do Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial), várias pessoas subiram em um carro de som, onde fizeram discursos em defesa das reforma da Previdência Social e Tributária, do pacote anticrime do ministro da Justiça, Sérgio Moro, e da Operação Lava-Jato, além declarem apoio à Medida Provisória 870 (que reduz o número de ministérios), já aprovada pela Câmara dos Deputados. Os mesmos temas também foram destacados em cartazes e faixas. 

Vestidos com camisas nas cores amarela e verde, os manifestantes cantaram o Hino Nacional e rezaram o Pai-Nosso. Em seguida, saíram em passeata pela Avenida Deputado Esteves Rodrigues, caminhando cerca de 600 metros até a antiga Pizzaria Papaula. 

(foto: Mauro Miranda/Divulgação)
(foto: Mauro Miranda/Divulgação)

Depois, retornam para o mesmo ponto de origem, pelo lado contrário da mesma avenida. O evento durou pouco mais de duas horas.O movimento foi convocado pelas redes sociais como “manifestação espontânea dos cidadãos”, sem o patrocínio de nenhuma entidade, partido político ou sindicato. 

Houve oradores que falaram em nome de ruralistas, caminhoneiros, comerciantes e cidadãos comuns.“Foi muito boa avaliação da participação das pessoas. Lavamos a alma”, afirmou o representante comercial Roberto Magalhães, um dos organizadores do ato. “Votamos pelas mudanças e isso é o grande desejo de todos”, destacou Roberto, ressaltando a importância temas da manifestação, como Reforma da Previdência e o pacote anticrime do ministro Sérgio Moro

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade