UAI
Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

Nova York prorroga isolamento contra COVID-19 até 7 de junho

Algumas regiões do estado planejam flexibilizar quarentena ainda este mês, mas ainda não atingiram metas de contenção do novo coronavírus


postado em 09/05/2020 20:04 / atualizado em 09/05/2020 20:26

As medidas de isolamento adotadas em março já tinham sido estendidas até 15 de maio(foto: JOHANNES EISELE/AFP)
As medidas de isolamento adotadas em março já tinham sido estendidas até 15 de maio (foto: JOHANNES EISELE/AFP)
O governador do Estado de Nova York, Andrew Cuomo, prorrogou as medidas de isolamento social até 7 de junho, embora algumas regiões possam iniciar a reabertura mais cedo caso atinjam uma série de parâmetros. As medidas adotadas em março já tinham sido estendidas até 15 de maio. Esperava-se uma nova prorrogação, tendo em vista o status da região de Nova York como epicentro da pandemia do novo coronavírus nos Estados Unidos, país mais afetado pela doença.

Algumas áreas de Nova York esperam começar a reabrir no fim deste mês, embora nenhuma das 10 regiões do estado tenha atingido os sete parâmetros exigidos nesta semana. As regiões que desejam retomar a atividade econômica devem mostrar que as mortes e hospitalizações relacionadas à COVID-19 estão em declínio e que há leitos hospitalares suficientes para atender a um possível aumento dos casos.



Os condados terão de aumentar os testes e rastreamento e as empresas precisarão se adaptar para proteger os trabalhadores. As companhias reabrirão em quatro fases, começando com construção, manufatura e varejo (apenas para retirada de compras feitas com antecedência).

O que é o coronavírus?

Coronavírus são uma grande família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus (COVID-19) foi descoberto em dezembro de 2019, na China. A doença pode causar infecções com sintomas inicialmente semelhantes aos resfriados ou gripes leves, mas com risco de se agravarem, podendo resultar em morte.

Como a COVID-19 é transmitida?

A transmissão dos coronavírus costuma ocorrer pelo ar ou por contato pessoal com secreções contaminadas, como gotículas de saliva, espirro, tosse, catarro, contato pessoal próximo, como toque ou aperto de mão, contato com objetos ou superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

Como se prevenir?

A recomendação é evitar aglomerações, ficar longe de quem apresenta sintomas de infecção respiratória, lavar as mãos com frequência, tossir com o antebraço em frente à boca e frequentemente fazer o uso de água e sabão para lavar as mãos ou álcool em gel após ter contato com superfícies e pessoas. Em casa, tome cuidados extras contra a COVID-19.

Quais os sintomas do coronavírus?

Confira os principais sintomas das pessoas infectadas pela COVID-19:

  • Febre
  • Tosse
  • Falta de ar e dificuldade para respirar
  • Problemas gástricos
  • Diarreia


Em casos graves, as vítimas apresentam:

  • Pneumonia
  • Síndrome respiratória aguda severa
  • Insuficiência renal

Mitos e verdades sobre o vírus

Nas redes sociais, a propagação da COVID-19 espalhou também boatos sobre como o vírus Sars-CoV-2 é transmitido. E outras dúvidas foram surgindo: O álcool em gel é capaz de matar o vírus? O coronavírus é letal em um nível preocupante? Uma pessoa infectada pode contaminar várias outras? A epidemia vai matar milhares de brasileiros, pois o SUS não teria condições de atender a todos? Fizemos uma reportagem com um médico especialista em infectologia e ele explica todos os mitos e verdades sobre o coronavírus.

Para saber mais sobre o coronavírus, leia também:

Gráficos e mapas atualizados: entenda a situação agora
Vitamina D e coronavírus: o que já sabemos
Coronavírus: o que fazer com roupas, acessórios e sapatos ao voltar para casa
Animais de estimação no ambiente doméstico precisam de atenção especial
Coronavírus x gripe espanhola em BH: erros (e soluções) são os mesmos de 100 anos atrás
Vídeo: coronavírus, quando isso tudo deve acabar?


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade