UAI
Publicidade

Estado de Minas NORTE DE MINAS

Montes Claros amplia vacinação contra a COVID-19 após explosão de casos

Secretaria Municipal de Saúde se mostra preocupada com os mais de 5,6 mil casos em junho - aumento de 1900% em comparação ao mês de maio


23/06/2022 14:36 - atualizado 23/06/2022 19:46

Foto mostra vista aérea de Montes Claros
Montes Claros tem explosão de novos casos de COVID-19 (foto: Mauro Miranda/divulgação)
A Prefeitura de Montes Claros, no Norte de Minas, iniciou uma  campanha para intensificar a imunização dos moradores com as doses de reforço contra a COVID-19 após uma explosão de casos da doença na cidade neste mês.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, foram registrados no município 5.622 novos casos de coronavírus até quarta-feira (22/6) - um aumento de mais de 1900% em comparação aos 276 de maio.  Em abril houve 54 contaminações pelo vírus no município.
 
Também como estratégia para frear a COVID, a prefeitura de Montes Claros, por meio de decreto assinado pelo prefeito Humberto Souto, voltou a exigir  o uso de máscaras em locais fechados desde  sábado passado (18/6).

De acordo com Dulce Pimenta, secretária municipal de Saúde, neste mês, foram registrados quatro mortes por COVID-19 em Montes Claros, todas de pessoas com mais de 60 anos sem o esquema vacinal completo. Desde 22 de março não eram notificados óbitos pelo vírus. 
 
Segundo Dulce, o município está com taxas de vacinação das doses de reforço relativamente baixas - 45% a terceira dose, e 8% a quarta dose.
 

Mutirão de vacinação


Para ampliar a imunização e controlar o avanço do coronavírus, a prefeitura de Montes Claros realiza neste sábado (25/6) um  mutirão de vacinação.

Conforme Dulce Pimenta, estarão abertas dez unidades de aplicação das doses e de testagem  nos postos da atenção básica nos bairros, além de  duas salas em dois shoppings centers do município. 
 
Ela informa que a ação terá continuidade no domingo (26/6) em quatro postos de vacinação e testes para o coronavírus e as duas salas nos shoppings centers.

'Relaxamento'


Dulce atribui a explosão de novos casos de COVID-19 em Montes Claros a um “relaxamento” dos moradores em relação à vacinação. A secretária ressalta que estudos demonstram que a eficácia do  imunizante contra o coronavírus diminui quatro ou cinco meses depois da aplicação. Por isso, a Prefeitura de Montes Claros realiza a mobilização para que maior parcela da população  venha receber as doses de reforço.

A terceira dose da vacina contra o coronavírus está sendo disponibilizada pela prefeitura para os indivíduos acima de 12 anos. A quarta dose já pode ser aplicada nas pessoas acima de 30 anos na cidade.

Sorteio

 
Dulce Pimenta lembra que, além do “mutirão” com a montagem das salas de vacinação em diferentes regiões, Montes Claros intensifica uma campanha de sensibilização dos moradores sobre a importância das doses de reforço.

Em parceria com a Sociedade Rural de Montes Claros, a prefeitura sorteará entre os vacinados com a dose de reforço ingressos para a Exposição Agropecuária Regional de Montes Claros (Expomontes), de 1º a 10 de julho.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade