UAI
Publicidade

Estado de Minas TRANSPORTE ILEGAL

PRF apreende 36 toneladas de granito com nota fiscal falsa, em Uberlândia

A carga vinha de Castelo (ES) e o motorista poderá responder por outros crimes, como usurpação de bens da União


25/03/2022 16:02 - atualizado 25/03/2022 16:03

Viatura da PRF e caminhão ao fundo
Carga de granito era levada para Goiás (foto: Divulgação/PRF)
Um motorista foi preso pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) transportando 36 toneladas de granito com nota fiscal falsificada, na madrugada desta sexta-feira (25/3), em Uberlândia, no Triângulo Mineiro. Ele ainda poderá responder por outros crimes, de acordo com a PRF.

A prisão aconteceu durante fiscalização do Grupo de Patrulhamento Tático na BR-365. A carga vinha de Castelo (ES) e tinha como destino Rio Verde (GO). Durante a verificação da documentação, os policiais perceberam que se tratava de uma nota fiscal falsa.

O motorista de 32 anos foi preso e a carga apreendida. Além do crime de uso de documento falso, ele poderá responder por exploração ilegal de minerais, assim como usurpação de bens da União.

O transporte de mercadorias sem a devida documentação fiscal também constitui crime tributário.

Após a detenção e a apreensão da carga, a ocorrência foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Federal de Uberlândia.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade