UAI
Publicidade

Estado de Minas BAIRRO DAS INDÚSTRIAS

Homem é executado na Avenida Tereza Cristina, em BH

Vítima teria sido morta por três homens, um deles usando uma pistola com kit rajada. Homem já teve envolvimento com o tráfico, segundo parente


15/12/2021 08:43 - atualizado 15/12/2021 08:57

Fachada do IML de Belo Horizonte
(foto: Leandro Couri/EM/DA Press - 12/11/2019)
Um homem de 45 anos foi morto a tiros nessa terça-feira (14/12), na Avenida Tereza Cristina, na Região do Barreiro, em Belo Horizonte. A vítima foi atingida por vários disparos e três homens estariam envolvidos no crime.

A Polícia Militar (PM) recebeu a denúncia na tarde passada. A informação era de que três homens que estavam em um Siena prata atiraram contra a vítima. Chegando ao local, eles constataram que ele havia sido atingido na cabeça – onde as lesões eram mais graves, nos braços e mãos. 

Conforme a PM, as primeiras apurações indicam que mais de uma arma teria sido utilizada, como uma pistola com kit rajada e outra de calibre 9 milímetros. A perícia da Polícia Civil esteve no local e, além dos estojos de munição, recolheu uma bucha de maconha perto do corpo. 

Os policiais militares chegaram a fazer um rastreamento, mas os suspeitos não foram encontrados. O carro no qual eles teriam fugido consta em uma ocorrência de clonagem de veículo. O local do crime tem câmeras de segurança que podem ter registrado a ação.

Ainda de acordo com a PM, um parente do homem assassinado disse que ele já vendeu drogas no passado, mas havia parado, e que ele havia se mudado para outro bairro por conta de desavenças com traficantes. No entanto, nem os familiares sabiam o endereço exato dele. As passagens por tráfico de drogas foram confirmadas. 

Testemunhas, de maneira anônima, também disseram que a vítima se envolvia com várias mulheres e que isso já havia causado problemas a ele. A ocorrência foi encaminhada à Polícia Civil.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade