UAI
Publicidade

Estado de Minas HOMICÍDIO

Homem que viajou mais de 14 horas para matar por vingança é preso em Minas

Investigações da Polícia Civil apontam que crime foi motivado por vingança, já que a vítima teria tentado matar o suspeito a facadas anteriormente


07/12/2021 14:01 - atualizado 07/12/2021 14:13

Fachada do presídio de Rio Pardo de Minas com duas viaturas na porta
Homem foi encaminhado para o presídio de Rio Pardo de Minas (foto: Divulgação/Polícia Civil)
Um homem de 61 anos foi preso nessa segunda-feira (6/12) pela Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), em Rio Pardo de Minas, no Norte de Minas, acusado de homicídio. O suspeito se deslocou de Alfenas, no Sul do estado, a mais de 1 mil quilômetros de distância, para cometer o crime no povoado da Caroba, na zona rural de Santo Antônio do Retiro.
 
 
Alguns meses antes, a vítima teria tentado matar o investigado, quando desferiu golpes de faca contra ele em uma briga. Para se vingar, o suspeito viajou mais de 15 horas, de Alfenas, onde mora, até Caroba, onde matou a vítima a tiros.
 
De acordo com o delegado Gildeilson Contão, responsável pela investigação, o suspeito efetuou um tiro de espingarda contra a vítima através de um buraco no muro da residência dele. 
 
Ainda segundo o delegado, quando prestou declarações à polícia, o investigado negou ter cometido o crime e alegou que, à época, estava morando em outra cidade. Porém, as investigações revelaram que ele foi visto na região.
 
“Ele teria chegado ao local cerca de dez dias antes do crime. E, ainda, no mesmo dia do homicídio, retornou para Alfenas”, explicou o delegado.
 
O inquérito policial segue em andamento, e o suspeito permanece no sistema prisional de Rio Pardo de Minas, à disposição da Justiça.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade