UAI
Publicidade

Estado de Minas COVID-19

Quatro escolas estaduais de Uberaba estão com aulas suspensas até dezembro

Estado confirmou o número de casos de COVID-19 em três das instituições; outra escola estadual do município também confirmou caso de uma estudante


25/11/2021 09:58 - atualizado 25/11/2021 10:06

Imagem parcial do rosto de um jovem, usando máscara, dentro de uma sala de aula com carteiras vazias
Os alunos das escolas estaduais de Uberaba continuam até início de dezembro pelo ensino remoto (foto: Creative Commons/Divulgação)
Desde a volta das aulas presenciais em Uberaba, no Triângulo Mineiro, há cerca de duas semanas, quatro escolas estaduais da cidade já precisaram suspender suas aulas presenciais devido a casos da COVID-19, seja entre alunos ou servidores.
 
 
“Seguindo as orientações da SES-MG, o atendimento na Escola Estadual Paulo José Derenusson, em Uberaba, foi suspenso preventivamente. A medida foi tomada após o monitoramento de dois casos confirmados de COVID-19 entre um aluno e um servidor. As atividades presenciais na unidade estão previstas para retornar no dia 6/12”, diz trecho da nota.

A mesma nota destaca que na Escola Estadual Horizonta Lemos e na Escola Estadual América foram dois casos confirmados entre alunos, em cada unidade, sendo que as atividades foram suspensas apenas no turno da manhã, estando previstas para retornar no dia 4/12 e 6/12, respectivamente.
 
“Vale ressaltar que os estudantes seguem desenvolvendo as atividades de forma remota”, complementou nota da SEE/MG.
 
A nota do governo de Minas não confirmou a presença da COVID na Escola Estadual Minas Gerais que, segundo a sua direção, também precisou suspender as aulas presenciais devido a casos positivos em alunos dos períodos da manhã e da tarde. A previsão é de que eles retornem no dia 6 de dezembro.
 
Outra instituição em Uberaba em que foi confirmado caso da doença foi a Escola Estadual Frei Leopoldo, em que a direção, seguindo orientação do estado, decidiu por não suspender as aulas por causa de apenas um caso positivo de uma estudante.
 
De acordo com a SEE/MG, a Superintendência Regional de Ensino (SRE) de Uberaba está monitorando e acompanhando a situação, prestando todo o apoio necessário, juntamente com a SES/MG, a fim de realizar a vigilância e traçar estratégias rápidas de ação oportuna.
 
“A SEE/MG esclarece que o Protocolo Sanitário de Retorno às Atividades Escolares Presenciais, da SES-MG, inclui monitoramento de casos suspeitos de COVID-19 e orienta que servidores ou estudantes que apresentarem sintomas da doença comuniquem a situação à direção da escola, sendo imediatamente afastados das atividades presenciais. O protocolo também prevê a suspensão por 14 dias das atividades presenciais quando há mais de um caso suspeito e com diagnóstico confirmado de Covid-19 em uma mesma turma, turno ou escola, sendo analisada cada situação de forma específica, migrando o atendimento aos alunos para o regime remoto”, explicou a SEE/MG.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade