UAI
Publicidade

Estado de Minas QUINTA-FEIRA

Trabalhadores do metrô de BH vão decidir se entram em estado de greve

Categoria está mobilizada por causa da perspectiva de privatização do metrô na capital mineira


23/11/2021 09:07 - atualizado 23/11/2021 12:03

Estação São Gabriel do metrô
Passageiros embarcam no metrô durante a paralisação dos ônibus nesta terça-feira na Estação São Gabriel (foto: Jair Amaral/EM/DA Press)


Mais um setor do transporte público de Belo Horizonte pode parar nesta semana. Na quinta-feira (25/11), os metroviários da capital devem decidir se a categoria entra em estado de greve. Atualmente, com a greve que afeta os ônibus da capital, o metrô é a principal alternativa de deslocamento para os usuários. 

- Leia: Greve em BH: um terço do trânsito do Centro e do Anel Rodoviário travou

A convocação foi publicada no site do Sindicato dos Empregados em Transportes Metroviários e Conexos de Minas Gerais (Sindimetro-MG). A assembleia será realizada às 18h no Centro de BH.

De acordo com Pablo Henrique Ramos de Azevedo, diretor de imprensa e comunicação do sindicato, a categoria está mobilizada por causa do processo de privatização da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), que administra o metrô da capital. 

Estação São Gabriel do metrô
Passageiros embarcam no metrô durante a paralisação dos ônibus nesta terça-feira na Estação São Gabriel (foto: Jair Amaral/EM/DA Press)


A questão envolve o processo de cisão para criar o Veículo de Desestatização MG Investimentos S.A. Ainda segundo ele, parte dos R$ 2,8 bilhões destinados para a ampliação do metrô de BH devem ser usados no processo de privatização. “Estamos convocando a categoria para decidir os próximos passos, se vamos entrar em uma greve”, disse. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade