UAI
Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

BH apresenta queda em todos os indicadores da COVID-19 nesta quinta

Ocupações dos leitos de UTI e de enfermaria para pacientes com a doença e transmissão recuaram no boletim mais recente


23/09/2021 18:26 - atualizado 23/09/2021 19:50

Atual cenário dos indicadores da pandemia em BH
Atual cenário dos indicadores da pandemia em BH (foto: Janey Costa/EM/D.A Press)


Belo Horizonte apresentou queda dos três indicadores da pandemia da COVID-19 nesta quinta-feira (23/9). Isso não acontecia há exatamente um mês, já que em 23 de agosto, a capital mineira também sofreu queda nas ocupações dos leitos de UTI e de enfermaria e na transmissão do novo coronavírus.

 

 

 

Único dado ainda na zona de alerta da escala de risco, a velocidade de contágio pelo vírus caiu de 1,07 para 1,06 hoje. Portanto, o RT permanece pelo sétimo balanço consecutivo, desde 15 de setembro, no patamar intermediário.

No estágio atual, 106 pessoas se tornam vítimas da pandemia, em média, a cada 100 diagnósticos em BH.

 

 

 

Já a ocupação dos leitos de UTI para pacientes com a doença recuou de 45% para 43,5%. Esse percentual considera a soma entre os hospitais particulares e públicos.

 

 

 

Quanto às enfermarias, a redução foi bem pequena: de 30,6% para 30,5%. Esse índice também se refere ao SUS e à rede suplementar. A situação dos dois tipos de leitos é de controle na cidade, abaixo dos 50%.

No caso das UTIs, o quadro é o menos grave desde 26 de agosto. No das enfermarias, a situação é essa desde 26 de julho.

Casos e mortes


Ainda com dificuldades para levantar os dados junto ao Ministério da Saúde, a Secretaria Municipal de Saúde computou aumento de 333 diagnósticos e 11 mortes por COVID-19 nesta quinta.

O total de casos, agora, é de 281.676: 2.101 em acompanhamento, 6.683 mortes e 272.892 pessoas recuperadas.

Vacinação


Vacinação provoca queda nos indicadores da pandemia em BH
Vacinação provoca queda nos indicadores da pandemia em BH (foto: Leandro Couri/EM/D.A Press)
 
 
BH registrou mais 13.254 aplicações da vacina contra a COVID-19 nesta quinta: 1.561 de primeira dose, 7.392 de segunda, e 4.301 de reforço. Não houve desempenho de injeções da Janssen (Johnson & Johnson), de aplicação única.

Agora, BH soma 1.944.195 vacinações de primeira dose, 1.158.492 de segunda, 59.252 de dose única e 24.252 de reforço.

Segundo a prefeitura, 82,5% do público-alvo total se vacinou com a injeção inicial e 50,1% do mesmo contingente completou o esquema vacinal.

A cidade recebeu 3.489.043 vacinas até aqui. A PBH não informa mais quantas doses recebeu de cada fórmula, nem quantas injeções aplicou em cada grupo prioritário ou faixa etária.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade