Publicidade

Estado de Minas ESTUPRO DE VULNERÁVEL

Suspeito de abusar das sobrinhas em Leopoldina é preso em Petrópolis

Suspeito foi capturado nesta terça-feira (20/7) no distrito de Araras, em Petrópolis, no estado do Rio; abusos teriam acontecido entre 2010 e 2016


20/07/2021 21:21 - atualizado 20/07/2021 21:56

Operação foi deflagrada pela Polícia Civil de Minas Gerais, com apoio da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro(foto: PCMG/Divulgação)
Operação foi deflagrada pela Polícia Civil de Minas Gerais, com apoio da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro (foto: PCMG/Divulgação)

Um homem de 60 anos – suspeito de ter abusado sexualmente de duas sobrinhas na cidade de Leopoldina – foi preso nesta terça-feira (20/7) no distrito de Araras, em Petrópolis, no estado do Rio de Janeiro.
 
A localização e a captura do homem ocorreram por meio de uma operação deflagrada pela Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) com apoio da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro (PCERJ).
 
O crime teria acontecido entre os anos de 2010 e 2016, na zona rural do município mineiro. Na época, as vítimas tinham menos de 10 anos. O caso foi qualificado como estupro de vulnerável.
 
Conforme a PCMG, umas delas, depois de anos recebendo tratamento psicológico, procurou a Polícia Civil e fez o registro de ocorrência. Além disso, familiares também denunciaram. 
 
Apesar dos questionamentos da reportagem, a PCMG, por meio de sua assessoria, não explicou como os policiais conseguiram, de fato, chegar ao suspeito.

“Foram trabalhos investigativos que resultaram na localização”, reforçou. Também não foram explicadas as circunstâncias do segundo caso de abuso. 
 
“Mais informações não serão divulgadas para preservar as vítimas e os familiares”, alegou a PCMG.
 
O homem foi encaminhado para uma unidade prisional no Rio de Janeiro, onde permanece à disposição da Justiça.
 
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade