Publicidade

Estado de Minas ACIDENTE

Caminhão perde controle, destrói comércio e motorista morre no Buritis

Veículo desceu desgovernado em uma rua do bairro e bateu em vários carros antes de acertar uma loja. Motorista do caminhão morreu no local


21/04/2021 17:54 - atualizado 22/04/2021 07:47

Cabine do caminhão se desprendeu do compartimento de carga. Motorista foi ejetado do veículo e morreu na hora(foto: Marcos Vieira/EM/D.A Press)
Cabine do caminhão se desprendeu do compartimento de carga. Motorista foi ejetado do veículo e morreu na hora (foto: Marcos Vieira/EM/D.A Press)
Militares do Corpo de Bombeiros foram mobilizados, no fim da tarde desta quarta-feira (21/04), para um grave acidente no Bairro Buritis, na Região Oeste de Belo Horizonte. De acordo com a instituição, um caminhão desceu desgovernado a Rua Rubens Carporali Ribeiro e acertou em cheio um centro comercial. O motorista do veículo, de, aproximadamente, 30 anos, morreu no local.

De acordo com relatos de testemunhas, o caminhão desceu a rua em zigue-zague, enquanto o motorista buzinava sem parar pedindo para que pessoas saíssem do caminho. O veículo atingiu vários carros até acertar o centro comercial. O impacto foi tão forte que a cabine acabou desprendendo do compartimento de carga do caminhão, que tinha placa do Espírito Santo e estava carregado com mármore.
 
Ver galeria . 9 Fotos De acordo com relatos de testemunhas, o caminhão desceu a rua em zigue-zague, enquanto o motorista buzinava sem parar pedindo para que pessoas saíssem do caminhoMarcos Vieira/EM/D.A press
De acordo com relatos de testemunhas, o caminhão desceu a rua em zigue-zague, enquanto o motorista buzinava sem parar pedindo para que pessoas saíssem do caminho (foto: Marcos Vieira/EM/D.A press )
 

Uma mulher de 59 anos, que estava na rua no momento do acidente, foi conduzida pelos bombeiros para o Hospital João XXIII com laceração no nariz. De acordo com o tenente Magalhães, do Corpo de Bombeiros, ela está bem.

"No momento em que a cabine foi lançada, ela chegou a atingir uma vítima que estava sentada na calçada. Ela foi arremessada e teve algumas lacerações e algumas escoriações, mas ela passa bem", disse.

Às 19h, os bombeiros informaram que o motorista foi retirado da cabine do caminhão. A perícia da Polícia Civil esteve no local. O corpo do homem foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML).

Corpo do motorista foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de BH(foto: Marcos Vieira/EM/D.A Press)
Corpo do motorista foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de BH (foto: Marcos Vieira/EM/D.A Press)
Um rastro de mancha de óleo ficou esparramado pela pista, por cerca de 700 metros. Uma central de gás (GLP) também foi atingida pelo caminhão, mas não houve vazamento.

A Defesa Civil informou que foram providenciados escoramentos para início dos trabalhos de retirada do caminhão e conclusão das vistorias. Ate a última atualização desta reportagem, os trabalhos ainda estavam em andamento. Já a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH) disponibilizará uma equipe para limpar a via e retirar os entulhos.

 

A BHTrans foi questionada pelo Estado de Minas se o acesso de caminhões é permitido na Rua Rubens Carporali Ribeiro e aguarda retorno.

Região movimentada


Próximo ao local do acidente fica a Avenida Aggeo Pio Sobrinho, conhecida na região por abrigar dezenas de bares e restaurantes. Com a pandemia da COVID-19, os locais passaram a ficar vazios, por causa da restrição de funcionamento imposta pela Prefeitura de Belo Horizonte. Mas, a partir desta quinta-feira (22/04), os estabelecimentos poderão funcionar.

Moradores da região ouvidos pela reportagem destacaram o intenso movimento da região e foram categóricos: se o acidente tivesse ocorrido em uma data fora de feriado, mais pessoas poderiam ter ficado feridas ou até mesmo perdido a vida. Karla Magna é da Comissão Regional de Trânsito e Transporte (CRTT) do entorno do Buritis. Ela classificou o tráfego na região como “caótico”.

“Estamos no final do bairro e acho complicado deixar esse trânsito caótico para a periferia resolver sozinha. Na divisa temos o Bairro Palmeiras. Temos relatos de pessoas que não conseguem atravessar a rua”, relatou.

O vereador Bráulio Lara (Novo), que também mora na região do Buritis, também pontuou que o acidente poderia ter sido pior, caso esta quarta-feira fosse um dia útil. “Essa foi a sensação que eu tive na hora e que vários vizinhos tiveram. Graças a Deus aconteceu em um feriado e não levou praticamente ninguém. A capacidade destrutiva pelo lugar que era, era muito grande.”

Veja o vídeo do momento em que o caminhão perde o controle




receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade