UAI
Publicidade

Estado de Minas CRIME

Homem é executado na frente da filha de três anos e da mulher

Mulher afirma que o marido era usuário de drogas


02/02/2021 18:24 - atualizado 02/02/2021 18:56

Crime ocorreu em Contagem, na Grande BH(foto: Google Street View/Reprodução)
Crime ocorreu em Contagem, na Grande BH (foto: Google Street View/Reprodução)

“Sai e corre”. Essas foram a únicas palavras dos matadores de Guilherme Antônio Soares Santos para a mulher dele, a filha de apenas três anos e a vizinha, momentos antes de disparar tiros e assassiná-lo, em Contagem

O crime bárbaro ocorreu no final da noite de segunda-feira (1º/2), no Bairro Novo Progresso. A vítima, a mulher, a filha e a vizinha estavam conversando na calçada quando um veículo se aproximou e estacionou. De lá saltaram dois homens, armados, que deram o recado e em seguida dispararam contra Guilherme, que ficou caído entre o meio-fio e um carro.

No momento dos tiros, a mulher da vítima passou a mão na filha e correu para dentro de casa, enquanto a vizinha saiu em disparada. Logo depois dos disparos, os homens voltaram para o veículo e foram embora.

Segundo foi levantado pelos policiais, Guilherme, de 28 anos, trabalhava vendendo alimentos na praça em frente à UPA do bairro, que é, também, ponto de venda de drogas.

Segundo a mulher da vítima, eles viviam juntos há cinco anos. Ela afirma que nunca soube de qualquer desavença do companheiro, com quem tem a filha, nem que ele estivesse ameaçado de morte.

Ela admitiu, no entanto, que Guilherme era viciado em drogas.

Um vizinho, arrolado como testemunha, reconheceu o veículo como o mesmo que tentou assassiná-lo há alguns meses. 

O caso está sendo investigado pela 7ª Delegacia de Homicídios de Contagem. A principal suspeita é o envolvimento com o tráfico de drogas.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade