Publicidade

Estado de Minas Imunização

Minas registra 74 casos de sarampo; Viçosa prorroga campanha de vacinação até o dia 27

Adultos de 20 a 49 anos devem procurar a unidade básica de saúde mesmo que já tenham sido vacinados


09/11/2020 15:03 - atualizado 09/11/2020 16:56

Diante da baixa procura, a campanha de vacinação contra o sarampo foi prorrogada. As unidades básicas de saúde disponibilizam as doses da vacina (foto: Diretoria de Comunicação da Prefeitura de Viçosa/Divulgação )
Diante da baixa procura, a campanha de vacinação contra o sarampo foi prorrogada. As unidades básicas de saúde disponibilizam as doses da vacina (foto: Diretoria de Comunicação da Prefeitura de Viçosa/Divulgação )
O vírus do sarampo voltou a circular nos últimos anos. Em Minas, só em 2020, já foram registrados 74 casos da doença, segundo a Secretaria de Saúde. Este ano, a estratégia para a aplicação das doses é imunizar os grupos mais acometidos pela doença. Portanto, pessoas que tenham entre 20 a 49 anos devem receber uma dose, independentemente de já terem sido imunizadas em campanhas anteriores. Diante da baixa procura, a campanha foi prorrogada até o dia 27 de novembro.

Viçosa atingiu apenas 23% da meta de imunização de 30 mil vacinados. De acordo com a coordenadora de imunização e campanhas da Secretaria de Saúde do município, Thais Cristina Lopes, a resistência do público-alvo em tomar a vacina está associada também à desinformação. “Muitas pessoas não lembram se já tomaram a dose da vacina e tem medo de se imunizar. Nossa recomendação é para que as pessoas procurem a Unidades de Saúde", explica.
 

O sarampo é uma doença infecciosa grave, provocada por um vírus, transmitida pela fala, tosse e espirro, e extremamente contagiosa, podendo ser contraída por pessoas de qualquer idade. Provoca febre, inflamação das mucosas do sistema respiratório, erupções vermelhas e generalizadas na pele, seguidas por descamação. A única forma de prevenção é a vacinação oferecida pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A dose também protege contra rubéola e caxumba. 

Para ser imunizado, basta procurar a Unidade Básica de Saúde do Centro (antiga Policlínica) ou a do bairro, de acordo com o calendário da sala de vacina de cada local. É preciso levar documento de identidade e, se tiver, o cartão de vacinas. 

O horário de funcionamento é de 08h às 16h. Confira o calendário das Salas de Vacina:

Segunda-feira 
São José do Triunfo
Nova Era
Santa Clara

Terça-feira
São Sebastião
Santa Clara
Nova Viçosa

Quarta-feira
Silvestre
Novo Silvestre
João Brás
Cachoeira de Santa Cruz
Santo Antônio

Quinta-feira
São Sebastião
Nova Era
Amoras
João Braz
 
*Estagiária sob supervisão da editora-assistene Vera Schmitz


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade