Publicidade

Estado de Minas RECORDE DE CALOR

Calor: Belo Horizonte registra dia mais quente da história neste sábado

Previsão de recorde, anunciada durante a semana, se confirmou nesta tarde. Umidade relativa do ar chegou a 12%, longe dos 60% recomendados pela Organização Mundial da Saúde (OMS)


03/10/2020 17:04 - atualizado 03/10/2020 21:18

Moradores de BH buscaram refresco em praças, clubes e outros locais neste sábado (3)(foto: Edesio Ferreira/EM/D.A Press)
Moradores de BH buscaram refresco em praças, clubes e outros locais neste sábado (3) (foto: Edesio Ferreira/EM/D.A Press)
O sábado (3) para o belo-horizontino está sendo de procura por sombra e água fresca. Afinal, a capital mineira registrou nesta tarde o dia mais quente de sua história: 37,8ºC. Durante a semana, era, de fato, esperado termômetros na casa dos 38ºC, o que remetia ao recorde de calor na cidade.

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia de Minas Gerais (Inmet), os 37,8ºC foram registrados nesta tarde na estação da Pampulha entre 14h e 16h. Ainda segundo o órgão, a umidade relativa do ar chegou a ficar em 12%, às 15h, índice que está longe do mínimo recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que é de 60%.

Ver galeria . 18 Fotos Moradores de BH tiveram que usar a criatividade para amenizar os efeitos do forte calor neste sábado (3)Edesio Ferreira/EM/D.A Press
Moradores de BH tiveram que usar a criatividade para amenizar os efeitos do forte calor neste sábado (3) (foto: Edesio Ferreira/EM/D.A Press )
O recorde anterior de calor em Belo Horizonte havia sido registrado em 2015, quando, no dia 22 de outubro daquele ano, os termômetros atingiram os 37,7ºC. Dias antes, em 16 de outubro, a temperatura ficou em 37,4ºC. O terceiro lugar da lista foi ocupado na última segunda-feira (28), quando a capital mineira bateu os 37,3ºC.

No ano passado, a maior temperatura foi 35,5°C, em 13 de setembro. Essa elevação da temperatura em Minas é o resultado de uma massa de ar quente e seco que atua pela Região Central do país.

Minas

Campina Verde, de acordo com o Inmet, foi o município do estado que mais fez calor neste sábado. A cidade, localizada no Triângulo Mineiro, chegou a registrar 41,2ºC. Cenário que deve se repetir na próxima semana na região.

"A semana promete temperaturas de 40ºC para cima no Triângulo", disse Claudemir Azevedo, do 5º Distrito de Meteorologia do Inmet.

Com apenas 9%, Itaobim, no Vale do Jequitinhonha, foi a cidade que registrou a menor umidade relativa do ar deste sábado.

E o domingo?


A chegada de uma frente fria neste domingo (4) pode trazer um pequeno alívio, mas os índices seguem críticos. A máxima será de 33ºC e a umidade do ar deve ficar entre 20% e 30%. No início da próxima semana, entretanto, as temperaturas devem voltar a subir. Não há chances de chuva para a Grande BH para os próximos dias.

"Vai ter uma diminuição da temperatura, sobretudo na Zona da Mata mineira, no Sul de Minas, Campo das Vertentes e até mesmo na Região Metropolitana. É um ligeiro declínio que deve passar entre amanhã (domingo) e segunda. Na terça já esquenta em todo o estado de Minas Gerais" afirmou Azevedo.
 

Recomendações

  • Hidrate-se durante o dia;
  • Prefira alimentos leves e frescos, como saladas, frutas, carnes grelhadas;
  • Evite frituras;
  • Durma em local arejado e umedecido por aparelhos umidificadores, ou ainda coloque uma bacia com água;
  • Evite atividades físicas ao ar livre e exposição ao sol entre 10h e 17h;
  • Evite banhos com água quente, para não potencializar o ressecamento da pele, e se necessário use hidratante;
  • Em caso de problemas respiratórios procure um especialista;
  • Em caso de incêndio em mata ou floresta, avise imediatamente ao Corpo de Bombeiros (193), Defesa Civil (199) ou Polícia Militar (190).

(Fonte: Defesa Civil de BH) 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade