Publicidade

Estado de Minas COVID-19

Feiras livres de Lagoa Santa voltam a funcionar nos antigos locais

Após treinamento e assinatura de termos de responsabilidade, as feiras de artesanato e de produtos agroecológico voltarão em novos moldes neste fim de semana


26/09/2020 12:20 - atualizado 26/09/2020 13:11

Mais de 70 expositores da feira de artesanato voltarão à Orla da Lagoa Central neste domingo(foto: Divulgação/arquivo pessoal)
Mais de 70 expositores da feira de artesanato voltarão à Orla da Lagoa Central neste domingo (foto: Divulgação/arquivo pessoal)

As duas principais feiras de Lagoa Santa, Região Metropolitana de Belo Horizonte, vão voltar neste fim semana a funcionar nos locais de origem. A feira Agroecológica volta neste sábado (26) e domingo (27), e a Feira de Artesanato, Lagoa Arte Santa, promovida pela Associação dos Artesãos de Lagoa Santa volta para a orla da Lagoa Central neste domingo (27).

Com a tradicional venda de produtos da agricultura familiar da região, a feira Agroecológica volta para o endereço antigo, na rua Manoel de Paula, em frente ao bar do Marinheiro. Domingo será a vez da Feira de Artesanato de Lagoa Santa, mais conhecida como feirinha


De acordo com o presidente da Feira Lagoa Arte Santa, Leonardo Lopes, a volta para o endereço de origem foi um esforço coletivo entre ele, a vice-presidente, Angela Martins, os artesãos da feira, a Secretaria de Vigilância Sanitária e a Secretaria de Saúde da cidade.

“Fizemos um treinamento sobre as boas práticas sanitárias de prevenção à COVID-19, promovido pela prefeitura. Após o curso, assinamos um Termo de Ajustamento e Adequações Sanitárias de Combate ao Coronavírus nos comprometendo sobre as normas a serem seguidas”, conta.


Desde março, a Lagoa Central estava interditada por medidas de prevenção à COVID-19 e todas as atividades econômicas no entorno dela ficaram suspensas. No dia 5 de setembro, a prefeitura de Lagoa Santa baixou um decreto autorizando a volta da feira de artesanato em outro ponto da cidade.

Segundo o presidente da feira, a experiência na feira da Praça Felipe Rodrigues foi boa, pois deu ao artesão a possibilidade de expor o trabalho dele mas na orla da Lagoa Central é mais prazeroso. “É uma volta para casa, a feira na praça foi um sucesso também porém, o sol forte nos atrapalhava, a feirinha tem um público fiel, que nos acompanha. Estávamos todos com saudades da nossa feirinha na Lagoa, conta!

 

A Feira Agroecológica, Produtos Orgânicos de Produção Familiar terá a participação da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais, Emater MG, e deverá seguir as seguintes normas: não permitir a circulação de clientes, funcionários e colaboradores que não estiverem utilizando máscara, de preferência caseira; - assegurar a distância mínima de 2 metros entre os clientes caso haja fila; respeitar a distância mínima de 3 metros entre os estandes e as barracas e adotar todas as demais medidas que evitem qualquer tipo de aglomeração de pessoas.


 A Feira de artesanato deverá seguir as mesmas normas da feira Agroecológica.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade