Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

Microrregião de Bom Despacho entra na Onda Verde do Minas Consciente

As novas normas de flexibilização também se aplicam aos municípios de Dores do Indaiá, Estrela do Indaiá, Luz, Martinho Campos, Moema e Serra da Saudade


21/09/2020 17:36 - atualizado 21/09/2020 18:23

Bom Despacho tem 536 casos confirmados do novo coronavírus e 14 mortes(foto: Paulo Filgueiras/EM/D.A Press - 26/8/11)
Bom Despacho tem 536 casos confirmados do novo coronavírus e 14 mortes (foto: Paulo Filgueiras/EM/D.A Press - 26/8/11)
A microrregião de saúde de Bom Despacho avançou, no sábado (19), para a Onda Verde do programa Minas Consciente –desenvolvido pelo governo do estado com o propósito de garantir a retomada segura e responsável da economia. Após 28 dias na Onda Amarela, a região recebeu o aval para as mudanças. 

Após a análise semanal da situação da pandemia do novo coronavírus (Sars-Cov-2) no estado, o Comitê Extraordinário da COVID-19 decidiu liberar na microrregião de saúde de Bom Despacho, pelo menos pelos próximos sete dias, as seguintes atividades: 
  • Atividades artísticas, como produção teatral, musical e de dança e circo;
  • Aluguel de objetos pessoais e domésticos;
  • Cinemas;
  • Feiras, congressos, exposições, filmagens de festas, casa de festas, bufê;
  • Parques de diversão, discotecas, boliches, sinuca;
  • Bares com entretenimento (música ao vivo e transmissão de futebol);
  • Serviços de colocação de piercings e tatuagens; 
  • Experimentar roupas nas lojas;
  • Aluguel de salão de festas;
  • Estágio dos cursos de saúde;
  • Velórios 
As normas também se aplicam as cidades que compõem a microrregião de Bom Despacho e aderiram ao programa. São elas: Bom Despacho, Dores do Indaiá, Estrela do Indaiá, Luz, Martinho Campos, Moema e Serra da Saudade
 
Durante a publicação das alterações, o governador Romeu Zema (Novo) ressaltou que as mudanças estão em sincronia com a estabilidade no número de casos e óbitos em Minas, seguindo a tendência de queda desses índices.

Ainda assim, o chefe do Executivo reforçou a necessidade dos cuidados sanitários, como o uso de máscara e álcool em gel. 

“Só tivemos desta vez boas notícias. Nenhuma região regrediu, ou seja, nenhuma região que estava na Onda Verde voltou para a Amarela e nenhuma região que estava na Amarela regrediu para a Vermelha. O que tivemos foram apenas movimentos positivos. O número de casos e número de óbitos no estado continua declinando”, declarou o governador.
 
Para ver mais detalhes do programa "Minas Consciente" clique aqui.
  

COVID-19 na microrregião de Bom Despacho


Bom Despacho


Bom Despacho registrou, até a manhã desta segunda-feira (21), 536 casos confirmados da doença, sendo que 14 terminaram em morte. Já se recuperaram 510 pessoas. Duas ainda estão internadas no município e outras 10 cumprem o isolamento domiciliar.

Segundo o boletim epidemiológico da prefeitura, 1.767 pessoas já notificaram a Secretaria Municipal de Saúde sobre a possibilidade de terem contraído a COVID-19

Dores do Indaiá


Dores do Indaiá registrou, até a tarde desta segunda-feira (21), 199 casos confirmados da doença, sendo que três terminaram em morte. Já se recuperaram 118 pessoas. Outras 78 cumprem o isolamento domiciliar.

Segundo o boletim epidemiológico da prefeitura, 828 pessoas já notificaram a prefeitura sobre a possibilidade de terem contraído o novo coronavírus

Estrela do Indaiá


Estrela do Indaiá registrou, até a tarde desta segunda-feira (21), três casos confirmados da doença, sendo que nenhum terminou em morte. As três pessoas que se infectaram já estão recuperadas.

Segundo o boletim epidemiológico da prefeitura, 172 pessoas notificaram a Secretaria Municipal de Saúde sobre a possibilidade de terem contraído o vírus.
 

Luz

 

Luz registrou, até a tarde desta segunda-feira (21), 147 casos confirmados da doença, sendo que um terminou em morte. Já se recuperaram 133 pessoas. Cinco ainda estão internadas no município e outras oito cumprem o isolamento domiciliar.

Segundo o boletim epidemiológico da prefeitura, 1.174 pessoas já notificaram a Secretaria Municipal de Saúde sobre a possibilidade de terem contraído a COVID-19. 
 

Martinho Campos

 

Martinho Campos registrou, até a tarde desta segunda-feira (21), 80 casos confirmados da doença, sendo que três terminaram em morte. Já se recuperaram 72 pessoas. Cinco ainda cumprem o isolamento domiciliar.

Segundo o boletim epidemiológico da prefeitura, 729 pessoas já notificaram a Secretaria Municipal de Saúde sobre a possibilidade de terem contraído a doença. 

Moema


Moema registrou, até a tarde desta segunda-feira (21), 153 casos confirmados da doença, sendo que dois terminaram em morte. Já se recuperaram 145 pessoas. Oito ainda cumprem o isolamento domiciliar.

Segundo o boletim epidemiológico da prefeitura, 858 pessoas já notificaram a Secretaria Municipal de Saúde sobre a possibilidade de terem contraído o vírus. 

Serra da Saudade


Cidade menos populosa do Brasil, Serra da Saudade registrou, até a tarde desta segunda-feira (21), cinco casos confirmados da doença, sendo que nenhum terminou em morte.
 
*Estagiário sob supervisão da subeditora Kelen Cristina


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade