Publicidade

Estado de Minas AGLOMEROU, FECHOU

COVID-19: proprietários proíbem acesso de turistas à Cachoeira da Saudade

Recanto entre Jacutinga e Albertina tem recebido cerca de 600 pessoas por dia nos finais de semana e feriados, o que alarmou a população local


17/09/2020 14:34 - atualizado 17/09/2020 15:46

Com medo da infecção pelo coronavírus, proprietários resolveram impedir acesso à cachoeira(foto: Gazeta de Jacutinga/Divulgação)
Com medo da infecção pelo coronavírus, proprietários resolveram impedir acesso à cachoeira (foto: Gazeta de Jacutinga/Divulgação)
Bem entre as cidades de Albertina e Jacutinga, no Sul de Minas, está a Cachoeira da Saudade. O lugar recebe muitos turistas e está localizado em meio a várias propriedades rurais. Nesta terça-feira, os donos dessas propriedades resolveram fechar os acessos à cachoeira em virtude da aglomeração de pessoas que tem ocorrido principalmente nos finais de semana.

No feriado de 7 de setembro e no último domingo, cerca de 600 pessoas visitaram a cachoeira. Imagens mostram que não havia preocupação por parte das pessoas em usar máscaras ou em manter um distanciamento seguro. 

De acordo com os proprietários, a proibição é por tempo indeterminado. A utilização dos espaços de banho naturais do local também está proibida, bem como o uso para acampamento.

Homero Luiz Nardini é um desses proprietários e se mostra preocupado com o avanço da COVID-19 na região. Ele explica que as pessoas que moram na localidade têm medo porque não sabem ainda a velocidade e a facilidade de infestação do vírus.

Nos finais de semana cerca de 600 pessoas visitavam a cachoeira, desrespeitando as medidas de proteção e de isolamento social(foto: Reprodução Redes Sociais)
Nos finais de semana cerca de 600 pessoas visitavam a cachoeira, desrespeitando as medidas de proteção e de isolamento social (foto: Reprodução Redes Sociais)
“O principal motivo é a aglomeração. Tem vindo muita gente de Itapira, Mogimirim, Mogiguaçu [cidades de São Paulo], muita gente num espaço ‘curto’. O principal motivo é o vírus, porque a gente não sabe quem tem, quem pegou, quem está, quem vai pegar, quem está trazendo, quem está levando. A medida [do fechamento] é para que as pessoas não se aglomerem. A gente tem que lutar pela vida”, explicou.

Além do coronavírus, outra preocupação recente de Nardini é com o uso indevido do espaço. Segundo ele, os visitantes fazem fogueiras e jogam lixo indiscriminadamente na mata.

“Outra coisa que a gente se preocupa é com a sujeira. É de tirar seis, sete caminhonetes de sujeira. Muita gente não entende que tudo que você joga na natureza ela vai te dar resposta no futuro. Mas chega muita gente sem autorização para fazer acampamento. Às vezes vemos vinte, trinta barracas. As pessoas fazem fogueira e isso pode trazer risco para os moradores. A gente está lá preocupado porque as pessoas falam que a gente deveria colocar cerca elétrica, guarda, câmera, mas tudo tem custo, e o custo só sobra para os proprietários, que nem sempre têm da onde tirar”, alertou o proprietário.

COVID-19 em Jacutinga e Albertina

Em Albertina, apenas 22 casos da doença foram confirmados, segundo o boletim epidemiológico municipal divulgado nesta quinta-feira (17). A cidade possui dois óbitos em decorrência do coronavírus, 10 casos estão em investigação e outras 13 pessoas, que têm algum vínculo com os casos suspeitos ou se trata de viajantes, estão sendo monitorados pela Secretaria municipal de Saúde. Há seis dias que a cidade não confirma novos casos da doença.

Já em Jacutinga, a situação é mais preocupante. O último boletim epidemiológico municipal, divulgado também nesta quinta, mostra que há 314 casos confirmados de COVID-19 na cidade, com oito óbitos. Três pessoas se encontram internadas e 294 já estão recuperadas.

Nas últimas duas semanas, a cidade registrou um crescimento de 14,5% no número de positivados, passando de 275 casos no dia 1º para 314 nesta quinta.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade